publicidade
05/12/17
A média de público em 2016 era de 16 mil nos jogos do Náutico.
A média de público em 2016 era de 16 mil nos jogos do Náutico.

Diretoria espera que torcida lote jogos do Náutico como mandante

05 / dez
Publicado por Maria Lua Ribeiro em Instant Articles às 14:30

O Náutico está nos preparativos para a pré-temporada, que terá início no dia 14 de dezembro. A expectativa é que a equipe esteja montada já no primeiro dia dos trabalhos do time alvirrubro. Em entrevista à Rádio Jornal, o gerente de futebol do Náutico, Ítalo Rodrigues espera que a torcida volte a comparecer em peso, principalmente nas partidas em que o Timbu for mandante.

“O apoio da torcida é muito importante. O torcedor compareceu em todos os jogos da Série A em 2013, e mesmo sendo rebaixado teve uma boa média de público”, comentou o Ítalo, ao lembrar que a média de público na Série B foi de 16 mil em 2016. “Para a torcida que é a menor da cidade, e não tenho vergonha em dizer isso, não é muita coisa. Nossa torcida é a menor, mas é apaixonada e fiel. A gente passa por esses momentos, mas ano que vem, trabalhando muito para voltar aos Aflitos, aí a nossa torcida vai voltar em peso, independente do estádio que a gente jogue. Ano que vem essa torcida volta em peso para um ano vitorioso”, confiou o dirigente.

 

LEIA MAIS:

Náutico deve anunciar novos reforços nesta semana para 2018

Dirigente do Náutico faz avaliação positivas sobre primeiras contratações

Perfil do elenco do Náutico definido para 2018

O técnico alvirrubro, Roberto Fernandes, disse que precisou mudar de planejamento com a subida de jogadores do sub 20. A intenção do Náutico, era chegar à pre-temporada com a presença desse jogadores. “Vamos precisar muito mais do elenco no início da temporada e na Série C. Nessa competição, a média de idade é entre 27 ou 28 anos, pois a característica é jogar apenas uma vez na semana. Faremos praticamente metade dos jogos da Série B. Na terceira divisão, só precisa de 20 rodadas para conquistar o acesso”, afirmou o treinador.

Apesar do período aparentemente confortável para a recomposição do time entre uma rodada e outra, Roberto disse que, juntamente com a diretoria, está tentando equacionar o time para começar a temporada da melhor forma possível. “Estamos fazendo um monitoramento de jogadores na faixa salarial entre R$ 7 mil e R$ 8 mil, para trazer ao Náutico, e que tenham todos esses atributos, como vontade de atuar aqui e compromisso para reerguer o time”, finalizou Roberto.

 


FECHAR