publicidade
21/11/17
Foto: Alexandre Gondim/ JC Imagem.
Foto: Alexandre Gondim/ JC Imagem.

Santa Cruz goleia o Juventude e se despede de 2017 com vitória

21 / nov
Publicado por Wladmir Paulino em Notícias às 20:50

Dignidade para alguns. Inutilidade para outros. Com quase todo time reserva, o Santa Cruz goleou o Juventude por 5×2 na noite desta terça-feira (21), no Arruda, pela última rodada da Série B 2017. Foi a vitória mais elástica dos corais em toda temporada, mas num jogo que não valia nada, pois o time já estava rebaixado duas rodadas antes. Serviu apenas para os atacantes William Barbio e Halef Pitbull quebrarem seus jejuns de gols e o time sair da vice-lanterna para o 18º lugar, com 37 pontos.

Nos primeiros 40 minutos, pouco pôde ser registrado de útil na partida, a não ser erros de passe, dificuldades em dominar a bola e finalizar. Antes disso, o que mais chamou a atenção foi um grito de um torcedor que ecoou pelas arquibancadas semelhante aos berros de pavor em filmes de suspense e a dificuldade para o atacante Halef Pitbull em fazer o gol quando até o goleiro estava batido.

Leia mais:

Chapas à disposição para análise dos sócios do Santa Cruz a partir desta quarta

Adriano diz que alguns jogadores acertaram a saída do Santa Cruz antes do jogo

Santa Cruz: Vítor retorna aos gramados e se emociona

Por isso vamos dar um salto no tempo e chegar logo aos cinco minutos finais. Aos 40, William Barbio emendou de primeira uma cobrança de escanteio. O goleiro Raul soltou e na briga para segurar a bola com os pés e pelo menos três pessoas tentando chutar a bola – e as pernas do camisa 1 – Anderson Salles conseguiu chutar para as redes e, não só fazer 1×0, mas tornar-se o artilheiro do clube na temporada com 10 gols.

Três minutos depois foi a vez de João Ananias fazer uma boa jogada. Ele desceu pela direita como um autêntico lateral e cruzou baixo. Barbio completou de chapa e fez o segundo gol dos corais e o segundo dele na Série B. Uma consequência

A farra tardia de gols do Santa teve mais uma contribuição de Barbio. Aos 22 minutos ele tabelou com Pitbull e tocou por baixo do goleiro Raul para fazer o quinto.

Para completar, o lateral-direito Vítor voltou a jogar depois de seis meses recuperando-se de uma fratura na fíbula. Ele entrou aos 34 do segundo tempo no lugar de Nininho e foi bastante aplaudido pelos 1.502 torcedores que estavam no Arruda.

Ficha do jogo – Santa Cruz x Juventude

Santa Cruz
Jacsson; Nininho (Vítor), Anderson Salles, Bruno Silva e Yuri (Walber); João Ananias, Marcílio (Lucas Gomes), Thiago Primão e João Paulo; Halef Pitbull e William Barbio. Técnico: Adriano Teixeira.

Juventude
Raul; Bruninho (Wallacer), Micael, Maurício e Bruno Collaço; Vacaria (Yago), Mateus Santanta e Juninho; Wesley Natã (Felipe Lima), João Paulo e Ramon. Técnico: Antônio Carlos Zago.

Local: Arruda. Árbitro: Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS). Assistentes: Eduardo Goncalves da Cruz e Leandro dos Santos Ruberdo (Ambos de MS). Gols: Anderson Salles, aos 40; e William Barbio, aos 43 minutos do primeiro tempo. Mateus Santana, aos cinco; Marcílio, aos 11; Pitbull, aos 13; Barbio, aos 22; Felipe Lima, aos 42 do segundo. Cartões amarelos: Maurício. Público: 1.502.



PUBLICIDADE
FECHAR