publicidade
12/10/17
Foto: André Nery/JC Imagem.
Foto: André Nery/JC Imagem.

Náutico não tem se dado bem contra ex-técnicos alvirrubros na Série B

12 / out
Publicado por Wladmir Paulino em Náutico às 14:14

Por Filipe Farias, do Jornal do Commercio – Encontrar velhos conhecidos não traz boas recordações ao Náutico nessa Série B. Em nove oportunidades que duelou com ex-treinadores alvirrubros, o Timbu só conseguiu vencer dois confrontos – diante do ABC, de Geninho, e do Figueirense, de Milton Cruz. Depois foram só tropeços. Empatou três partidas em casa (Oeste, Juventude e Santa Cruz, comandados por Roberto Cavalo, Gilmar Dal Pozzo e Givanildo Oliveira, na ordem) e perdeu outras quatro: Ceará, na época treinado por Givanildo; CRB, de Dado Cavalcanti; Oeste, de Cavalo; e Goiás, de Hélio dos Anjos, rendendo um aproveitamento de apenas 33% diante de ex-técnicos que passaram pelo clube.

No próximo sábado um novo reencontro. Desta vez, o Náutico terá Lisca pela frente, que fará sua estreia no comando-técnico do Guarani. Nas últimas 15 rodadas da Segundona, a equipe campineira venceu apenas um jogo, com seis empates e oito derrotas. Apesar dos números negativos do Bugre, Lisca se agarra ao fato de nunca ter perdido quando enfrentou o Timbu. Em dois confrontos contra os alvirrubros, o técnico gaúcho conseguiu dois empates: em 2014, quando treinava o Sampaio Corrêa, e em 2016, à frente do Joinville – ambos os duelos foram pela Série B. E, no que depender dele, essa invencibilidade permanecerá.

Leia a notícia completa AQUI



PUBLICIDADE
FECHAR