publicidade
07/10/17
Queda do Tricolor foi decretada pela vitória do Guarani. Foto: Guga Matos/JC Imagem
Queda do Tricolor foi decretada pela vitória do Guarani. Foto: Guga Matos/JC Imagem

Santa Cruz perde em casa e aumenta distância para sair do Z-4

07 / out
Publicado por Thiago Vieira em Instant Articles às 20:55

O Santa Cruz até teve bons momentos durante a partida, mas acabou cedendo um gol aos 32 minutos do segundo tempo para o América-MG, neste sábado (7), no Arruda. O gol foi marcado por Matheusinho. Antes, o Tricolor até balançou as redes, mas teve o tento de Anderson Salles mal anulado pelo assistente. Com o resultado, a equipe pernambucana vê aumentar para cinco pontos a distância para o primeiro time fora da zona de rebaixamento, e permanece na 18ª posição. Já o América-MG retornou à vice-liderança, com 51 pontos.

Agora, o Santa Cruz se prepara para enfrentar o Figueirense, concorrente direto na briga para escapar do Z4, em Florianópolis. Já o Coelho recebe o Luverdense.

LEIA MAIS:
Fim da rodada aumenta drama dos pernambucanos na Série B

Martelotte enxerga Santa Cruz melhor em campo, mas lamenta derrota

Volante fala em perseverança para Santa Cruz se recuperar

Jogo truncado e poucas chances para os dois lados

O jogo era uma decisão para as duas equipes. Mesmo em contextos completamente diferentes, os dois times entraram em campo pensando apenas na vitórias. Mas o primeiro tempo foi de poucas oportunidades. O Santa Cruz até ensaiou uma pressão inicial, embalada pelos torcedores que faziam bastante barulho. João Paulo até quase abriu o placar, quando recebeu bom passe de Grafite e finalizou forte e rasteiro, mas parou no goleiro João Ricardo, aos 6 minutos.

Logo em seguida, foi a vez do atacante Grafite receber cruzamento de Yuri e tentar balançar as redes, mas mandou por cima. A partir daí, o América conseguiu controlar melhor a bola. Mas o time também não conseguia mostrar força de criação. Matheusinho, uma das principais peças do time fazia pouca diferença, e os ataques vinham nas bolas alçadas na área.

A melhor chance do Coelho veio na qualidade do atacante Bill. Ele recebeu passe na área e escorou de primeira para Norberto, que vinha para finalizar sem marcação. Nininho apareceu a tempo e travou o chute.

No final da primeira etapa, mais na vontade que na técnica, o Santa Cruz tentou voltar a pressionar, mas no último passe quem levava a melhor era a defesa bem postada da equipe mineira. A grande chance veio de uma trapalhada da defesa coral. Na tentativa de cortar o lance de perigo, a bola rebateu e voltou nos pés de Bill, livre, que chutou para grande defesa de Julio Cesar.

Santa Cruz
América-MG venceu com gol de Mathuesinho. Foto: Guga Matos/JC Imagem

Santa Cruz tem gol mal-anulado e acaba sofrendo gol

Se no primeiro tempo foi o Santa Cruz quem começou pressionando, na volta do intervalo foi a vez do América levar perigo à meta coral. A equipe comandada por Enderson Moreira foi para cima, e quase chegou ao gol

O sufoco também não demorou muito. O Santa Cruz conseguiu se recompor, mas demorou a ser superior no jogo. Aos poucos, os corais começaram a ter mais posse de bola, mas a criação ainda não era das melhores. A situação melhorou com as duas alterações do técnico Marcelo Martelotte. As entradas de Bruno Paulo e Ricardo Bueno deram maior mobilidade ao time.

E foi a partir daí que a grande chance coral surgiu. Em bola parada, da esquerda, a bola foi para cabeça de Anderson Salles que cabeceou para o gol. O bandeira marcou impedimento que, ainda que por pouco, de forma equivocada. Ainda assim Tricolor sentiu o bom momento e foi para cima, mas foi justamente aí que o revés veio.

Em contra-ataque, Matheusinho pegou a bola na intermediária, tabelou e teve espaço para chutar no canto direito de Julio Cesar, para abrir o placar, aos 32. O Santa Cruz sentiu o gol, e demorou para voltar a ter boas chances. Chegou ainda com Bruno Paulo, mas o atacante finalizou na rede pelo lado de fora. A última grande chance veio no apagar das luzes. Anderson Salles cobrou falta na trave no último lance.

FICHA DA PARTIDA – SANTA CRUZ 0 X 1 AMÉRICA-MG

Santa Cruz: Julio Cesar; Nininho, Anderson Salles, Guilherme Mattis e Yuri; Derley, Wellington Cezar (Nathan) e Thiago Primão; João Paulo, André Luís (Bruno Paulo) e Grafite (Ricardo Bueno). Técnico: Marcelo Martelotte.

América-MG: João Ricardo; Norberto (Ceará), Rafael Lima, Messias e Pará; Juninho, Ernandes, Ruy (Renan Oliveira) e Matheusinho (Zé Ricardo); Luan e Bill. Técnico: Enderson Moreira.

Série B (28ª rodada). Local: Arruda, Recife (PE). Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP). Assistentes: Alberto Poletto Masseira e Evandro de Melo Lima (ambos de SP). Gol: Matheusinho, aos 32′ do 2T. Amarelos: Derley (S), Norberto (A), Matheusinho (A) e Pará (A).



PUBLICIDADE
FECHAR