publicidade
16/07/17
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Sport: Artilharia não é o objetivo de André

16 / jul
Publicado por Wladmir Paulino em Notícias às 12:08

Atacante vive de gols e com André essa máxima não é diferente. Porém, mesmo assim, o camisa 90 do Sport não estipula metas de quantas vezes quer balançar as redes até o fim dos compromissos do Leão na temporada – Brasileirão e Copa Sul-Americana. A meta dele é a coletiva: classificar o clube para a Copa Libertadores do próximo ano. Gol ele só quer fazer mais do que na passagem anterior, em 2015. E ultrapassou essa marca na última quinta-feira na vitória sobre a Chapecoense por 3×0. Já são 15, um a mais do que os 14 há dois anos.

A média de 2015 ainda é melhor, 0,4 por partida. A atual é 0,3. Ele igualou o companheiro Diego Souza na temporada, 15 para cada um. Ambições de ser artilheiro ele não tem, inclusive pede até aos jornalistas que esqueçam essa pauta.

Leia mais:

Nando driblou sua dificuldade de locomoção, foi pé quente e ganhou camisa dos jogadores do Sport

André: “As coisas aqui no Sport acontecem lindamente “

Sport vai trocar aproximadamente 400m² de grama na Ilha do Retiro

Atacante do Sport na mira do Besiktas e de time da Espanha

André ressalta importância de Diego Souza para o Sport

Sport é o terceiro melhor mandante do Brasileirão

“Nem precisa dessa matéria, não é meu foco. Meu foco é continuar ajudando o Sport. Fazendo meus gols vou ajudar, mas o objetivo não é artilharia”, ressalta.

A má fase que passou nos primeiros meses teve duas explicações: a readaptação ao futebol brasileiro e a sequência de partidas, que não teve no Corinthians nem no Sporting (POR), quando se transferiu. Mas no fim das contas tudo acaba chegando no gol.

“Quando o atacante faz gol é a fase é boa e quando não faz é ruim. Simples assim. Mas acho que é trabalho e dedicação”, aponta.



PUBLICIDADE
FECHAR