publicidade
18/jun
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem.
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem.

Gallo elogia Luxemburgo e diz que não é fácil controlar os 90 minutos na Ilha

18 / jun
Publicado por Wladmir Paulino em Notícias às 23:13

O técnico do Vitória, Alexandre Gallo, disse que mudou um pouco a forma de seu time atuar em função do Sport. E não poupou elogios ao dizer que seus comandados controlaram a partida durante todos os 90 minutos fruto da dedicação do grupo ao que foi proposto. Ele também elogiou bastante o adversário Vanderlei Luxemburgo, de quem foi atleta e, depois, assistente no Santos. Ele também já conta com quatro passagens por Pernambuco, sendo três no Náutico e uma no Leão, onde foi campeão pernambucano em 2007.

“Ter o controle nos 90 minutos não é fácil aqui na Ilha, mas temos que manter os pés no chão e buscar o resultado em casa. Agora é preciso tranquilidade e procurar evoluir a cada jogo. Colocamos uma situação um pouco diferente e eles se dedicaram”, pontuou.

Leia mais:

> Vanderlei ainda procura melhor posicionamento para Diego Souza no Sport

> Sport perde a primeira em casa e entra na zona de rebaixamento

> Técnico põe em questão o que vem acontecendo com o clube

> Rithely lembra que sair atrás no placar tem atrapalhado o Sport

Para ele, a equipe já havia mostrado boa produção nos dois jogos anteriores e o resultado positivo sobre o Sport é importante para aumentar a dose de auto-confiança do elenco. “Não é fácil fazer o que fizemos hoje porque o Vanderlei é um grande treinador. Foi um norte na minha carreira. Fui atleta dele, auxiliar e devo muito a ele o fato de estar aqui. A determinação do time na marcação foi importante para a vitória”.

O volante Uillian Correia, autor do primeiro gol, disse que gostaria de voltar a trabalhar no Recife – no ano passado foi campeão pernambucano e da Copa do Nordeste com o Santa Cruz. “Fiz muitos amigos no Recife e é sempre bom voltar para um lugar onde fui feliz”, ressaltou.



PUBLICIDADE
FECHAR