publicidade
18/mar
Técnico alvirrubro quer tirar lições de sua primeira derrota no comando do Náutico. Foto: Léo Lemos/Náutico
Técnico alvirrubro quer tirar lições de sua primeira derrota no comando do Náutico. Foto: Léo Lemos/Náutico

Técnico do Náutico reclama do gramado, mas também cita falta de atitude

18 / mar
Publicado por Karoline Albuquerque em Instant Articles às 21:41

O técnico Milton Cruz reclamou do gramado do estádio Cornélio de Barros, após o Náutico sair derrotado por 2×0 diante do Salgueiro na noite deste sábado (18). O treinador alvirrubro sabia que encontraria dificuldades no local, mas também afirmou que faltou atitude por parte de seus comandados durante a partida da 7ª rodada do Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano.

Milton destacou a formação do Salgueiro, junta há bastante tempo no time sertanejo e reforçou a juventude timbu. “Estão entrosados jogando no campo deles. O campo prejudicou nosso time, que é um time de toque de bola e a bola estava prendendo. Os jogadores não estão acostumados a um campo com grama alta. Temos uma grama mais baixinha, também na arena” explicou.

LEIA MAIS:

Salgueiro vence Náutico e mantém liderança do Pernambucano

Apesar da reclamação, o técnico foi categórico em outro aspecto. O gramado não ajudou o Náutico, mas o elenco alvirrubro ficou devendo. “Prejudicou um pouco, mas faltou atitude nossa no primeiro tempo, coisas que tivemos no segundo”, emendou Milton Cruz. Ele lamentou não ter conseguido o gol ao melhorar ofensivamente na etapa complementar.

Ao falar da demora para realizar substituições, o técnico assumiu a escolha de esperar quando o placar ainda estava 1×0. Ele acreditava que o time pudesse empatar. Porém, viu o Náutico levar o segundo gol. “A intenção era colocar o time mais para cima, mas como tomamos o segundo gol, arrumamos um pouquinho mais atrás”, disse.

Essa foi a primeira derrota de Milton no comando do Náutico. Ele não quer se abater com o resultado adverso e pretende tirar lições. “O time correu e lutou até o fim, buscou o empate, depois tomamos o segundo gol. Isso é coisa do futebol. Temos que levantar a cabeça. Não é por causa de uma derrota que está tudo errado”, pontuou.

O grupo alvirrubro folga neste domingo (19) e volta aos treinos na segunda-feira, pois na terça o Náutico já viaja para Fortaleza, onde tem uma decisão contra o Uniclinic no dia seguinte. Além de ter que vencer o time cearense, o Timbu precisa torcer por um tropeço do Santa Cruz no Arruda diante do Campinense, para, assim, ter a chance de se classificar para as quartas-de-final do Nordestão.


PUBLICIDADE
FECHAR