publicidade
18/mar
Everton Santos brilhou no jogo. Foto: Guga Matos/JC Imagem
Everton Santos brilhou no jogo. Foto: Guga Matos/JC Imagem

Everton Santos marca duas vezes na goleada do Santa Cruz por 5×1

18 / mar
Publicado por Thiago Vieira em Instant Articles às 17:58

O Santa Cruz venceu o Central por 5×1 no Arruda, neste sábado (18), pela 7º rodada do Campeonato Pernambucano. O destaque da partida foi o atacante Everton Santos, que marcou os dois primeiros gols do jogo e iniciou a jogada do terceiro tento, quando Pitbull ampliou. Thomás, do Central, descontou no início do segundo tempo, mas Anderson Salles cobrou falta com precisão e aumentou. Gino deu números finais à partida.

Com a vitória, o Santa Cruz somou 12 pontos e deu passo importante para classificação para o mata-mata do Pernambucano. O Tricolor agora se prepara para enfrentar o Campinense na Copa do Nordeste, nesta quarta-feira (22). Já a Patativa, continua com 3 pontos e na lanterna do Hexagonal do título. A próxima partida será contra o Salgueiro, no Lacerdão.

LEIA MAIS:
> Confira a goleada do Santa Cruz nas ondas da Rádio Jornal

> Após sair machucado, Thomás garante que joga contra o Campinense

> Eutrópio sai em defesa de Léo Costa após perder o pênalti: “tem crédito”

> Confira a goleada do Santa Cruz nas lentes da JC Imagem

Tricolor dominante no Arruda

O Santa Cruz tinha que se livrar da mancha que ficou no último jogo, no Clássico das Emoções, quando foi derrotado por 1×0 na Arena de Pernambuco. Além do mal futebol apresentado, o Tricolor vinha mostrando dificuldades quando era obrigado a propor o jogo, o que era obrigação ao enfrentar o Central, em casa. Os Corais não deram muito tempo para dúvidas. Logo aos dois minutos de partida, o lateral Tiago Costa cruzou para Pitbull. O camisa 9 cabeceou e o goleiro Dênis espalmou nos pés de Everton Santos que, bem posicionado, aproveitou para abrir o placar.

A vantagem precoce na partida poderia dar a oportunidade do Santa voltar a atuar sem ser muito incisivo no ataque. Mas isso não acontece. Pouco depois do primeiro gol, o meia Thomás tabelou com Pitbull e acertou a trave esquerda, aos 9. O Central não conseguia assustar. As vezes que chegava eram nos levantamentos na área, com pouco sucesso. Não demorou muito para o Santa ampliar o placar, num lance que parecia replay do primeiro. Léo Costa bateu escanteio, Pitbull cabeceou e, mais uma vez, Everton Santos completou no rebote, aos 17 minutos. O Tricolor manteve o ímpeto de atacar, e quase chegou ao terceiro gol na boa cobrança de falta de Anderson Salles, no travessão. Mas o último gol da primeira etapa viria logo depois, aos 36. Everton Santos arrancou pela direita e mandou para Vitor na área. O lateral encontrou Pitbull, que mandou para as redes. Vencendo com muita superioridade, o Santa foi para os vestiários aplaudido pela torcida no intervalo.

Foto: Guga Matos/JC Imagem
Foto: Guga Matos/JC Imagem

Na volta dos vestiários, o técnico Vinícius Eutrópio colocou o uruguaio Federico Gino no lugar de David. O Santa pareceu voltar para a etapa final desconcentrado e o Central era quem tentava chegar. Foi justamente um passe errado do volante que deu origem ao primeiro gol do Central. Na jogada, a Patativa conseguiu o escanteio e, após a cobrança de Altemar, Thomás subiu para marcar de cabeça e diminuir o placar.

O gol pareceu acordar o Santa Cruz na segunda etapa. O Tricolor voltou a buscar as ações do jogo. Não demorou muito para conseguir uma falta, no lado esquerdo ofensivo Tricolor, próximo à área. O especialista Anderson Salles cobrou bem mais uma vez e, dessa vez, o goleiro Dênis não conseguiu evitar, aos 19.

O restante da partida seguiu em ritmo de treino, com o técnico Vinícius Eutrópio aproveitando para testar o lateral Gabriel Vallés. O comandante ainda pretendia colocar o argentino Facundo Parra, mas preferiu colocar André Luís porque Thomás saiu de campo machucado. O jogador da base ainda sofreu um pênalti, desperdiçado por Léo Costa. Aos 45, Federico Gino aproveitou rebote do chute de Tiago Costa e deu números finais à partida.

Everton Santos volta a brilhar contra o Central

Com 4 gols no Pernambucano, o atacante Everton Santos é o artilheiro da competição. A curiosidade é que todos os gols foram marcados contra o Central, sendo dois no primeiro jogo e dois nesta partida. Everton tem ainda um gol contra o Náutico, pelo Nordestão.

Gol relâmpago

Se o Santa tinha obrigação de propor o jogo, não demorou muito para ficar na frente do placar. O primeiro gol dos Corais foi marcado logo aos 2 minutos do primeiro tempo, com Everton Santos aproveitando o rebote.

Pitbull decisivo na grande área

Quem também participou de três gols na partida foi o camisa 9 Pitbull. Nos dois primeiros, foi ele quem cabeceou para o rebote de Everton Santos. No terceiro gol, ele recebeu passe e marcou. Ele tem três gols no Pernambucano e outros três no Nordestão.

FICHA DA PARTIDA – SANTA CRUZ 5 x 1 CENTRAL

Santa Cruz: Julio Cesar; Vítor, Anderson Salles, Jaime e Tiago Costa; Elicarlos, David (Gino) e Léo Costa; Thomás, Everton Santos e Halef Pitbull. Técnico: Vinícius Eutrópio

Central: Dênis; Baiano, Paulinho, Thomas e Altemar; Bruno de Jesus, Vagner Rosa, Naldinho, Thiaguinho (Gildo); Azul e Kleitinho. Técnico: Catende

Hexagonal do Título (7ª rodada). Local: estádio do Arruda, Recife (PE). Árbitro: José Woshington. Assistentes: Fabrício Leite e Marcelino Castro. Gols: Everton Santos (S), aos 2′ e 17′ do 1T; Pitbull (S), aos 36′ do 1T; Thomás (C), aos 11 do 2T,  Anderson Salles (S), aos 19 do 2T e Gino, aos 45′ do 2T. Amarelos: Tiago Costa (SC) e Thiaguinho (C) Bruno (C) e Thomás (C).



PUBLICIDADE
FECHAR