publicidade
02/mar
Foto: Guga Matosd/JC Imagem
Foto: Guga Matosd/JC Imagem

Salgueiro vence Santa Cruz e mantém invencibilidade no Pernambucano

02 / mar
Publicado por Karoline Albuquerque em Instant Articles às 22:37

Não é só no Sertão que o Carcará “avoa” que nem avião. Na capital pernambucana, o Salgueiro venceu o Santa Cruz e encerrou a sequência invicta do tricolor do Arruda na noite desta quinta-feira (2), pela 5ª rodada do Hexagonal do Título do Campeonato Pernambucano. Com gols de Willian Lira e Toty, ainda no primeiro tempo, o time sertanejo venceu a Cobra Coral por 2×1. E o gol do Santa Cruz foi contra, marcado pelo zagueiro Ranieri.

Se já era líder isolado, agora o Salgueiro, com 13 pontos, abre quatro de vantagem sobre o Sport, segundo colocado, com 9 pontos. Neste primeiro turno, o time sertanejo empatou com o Leão em casa e venceu Náutico e Santa Cruz, ao jogar no Recife. Este ano, a equipe perdeu apenas uma partida, na Copa do Brasil, para o Sinop, o que custou a eliminação do torneio.

LEIA MAIS:

Confira a vitória do Salgueiro nas lentes da JC Imagem

Ouça os gols da vitória do Salgueiro nas ondas da Rádio Jornal

O Santa Cruz se complica com a derrota. Mesmo em 4º lugar, ainda na zona de classificação para as semifinais do Estadual, o tricolor mantém os 6 pontos, apenas dois a mais que o Belo Jardim, que venceu o Central e enfrenta novamente o time caruaruense no domingo.

A Cobra Coral e o Carcará voltam a se enfrentar no domingo (5), pela 6ª rodada, no estádio Cornélio de Barros, às 16h. Ao levar o terceiro amarelo, Roberto cumpre suspensão na partida contra o Salgueiro no Sertão.

VITÓRIA PARCIAL DO SALGUEIRO

O Salgueiro foi o primeiro a buscar o ataque na partida, mandando bola na área antes de um minuto. Mas o primeiro lance que exigiu defesa de um goleiro foi do Santa Cruz. Aos 8 minutos, o atacante tricolor Hallef Pitbull aproveitou rebote, mandou para o gol. Mondragon defendeu a tentativa.

Insistente, o Carcará iniciou com chutes sem grande perigo e de fáceis defesas para o goleiro Julio Cesar. O primeiro gol do Salgueiro saiu aos 37 minutos. Toty cruzou na área coral e Willian Lira subiu mais que a defesa coral, cabeceando para as redes e abrindo o placar.

Dois minutos depois, Thomás chutou forte de fora da área e Mondragon defendeu. O Salgueiro devolveu na mesma moeda. Toty mandou para o gol tricolor e Julio Cesar também fez boa defesa. Porém, já nos acréscimos, o Carcará buscou ampliar a vantagem. Rodolfo Potiguar lançou bola na área, Willian Lira dominou no peito e entregou para Toty, que vinha de trás e aumentou o placar antes do apito final desta etapa.

Foto: Guga Matos/JC Imagem
Foto: Guga Matos/JC Imagem

SANTA DIMINUI, COM GOL CONTRA

Assim como terminou o primeiro tempo, o Salgueiro manteve o domínio de jogo na etapa final, tentando chegar seguidas vezes na área tricolor. A primeira defesa de Julio Cesar saiu apenas aos 35 minutos, após Daniel avançar com velocidade e chutar para o gol.

O tento tricolor até saiu. Mas, o Santa Cruz diminuiu pelos pés do Salgueiro. Aos 38 minutos, Vítor passou por Valdeir e Moreilândia, batendo para o meio da área do Carcará. O zagueiro Ranieri tocou errado e mandou para as redes, marcando gol contra.

O goleiro Mondragon foi exigido com mais precisão apenas aos 42 minutos. O zagueiro Anderson Salles, que entrou no lugar do volante Wellington Cézar, cobrou falta na área e o goleiro rebatou, mas depois segurou. Isso causou um tumulto, entre o arqueiro e William Barbio, logo contido.

Antes do fim da partida, o time sertanejo assustou novamente. Willian Lira chutou e Julio Cesar defendeu. Álvaro tentou aproveitar o rebote e mandou na trave. Assim, o Santa Cruz sofreu sua primeira rodada na temporada e o Salgueiro segue invicto no Estadual.

FICHA DA PARTIDA – SANTA CRUZ 1 x 2 SALGUEIRO

Santa Cruz: Julio Cesar; Vítor, Jaime, Bruno Silva e Roberto; Wellington Cézar (Anderson Salles), David e Thiago Primão (William Barbio); Everton Santos (Júlio César), Hallef Pitbull e Thomás. Técnico: Vinícius Eutrópio

Salgueiro: Mondragon; Marcos Tamandaré, Ranieri, Luiz Eduardo e Daniel; Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Toty e Valdeir, Jean (Álvaro) e Willian Lira (Victor Caicó). Técnico: Evandro Guimarães

Hexagonal do Título (5ª rodada). Local: estádio do Arruda, Recife (PE). Árbitro: Giorgio Wilton Macêdo dos Santos Auxiliares: Clovis Amaral da Silva e Albino Albert Junior Gols: Willian Lira (S), aos 37 do 1T, Toty, aos 45 do 1T, e Ranieri (SC, contra), aos 38 do 2T Cartões amarelos: Davi (SC), Jaime (SC), Moreilândia (S), Roberto (SC) e Thomás (SC) Público: 5.015 Renda: R$ 41.640


PUBLICIDADE
FECHAR