Confira os destaques desta segunda-feira

destaques_1509_770

O que deveria ser o Centro de Treinamento do Santa Cruz é apenas um terreno quase em completo abandono e sem manutenção. O Blog do Torcedor tem esse post como grande destaque do dia, mas também trouxe a situação do meia Pedro Carmona e a síndrome caseira do Sport, entre outras.

Veja os destaques aqui:

» Santa sem verba para CT

» Sport caseiro

» Empresário: Carmona está praticamente fechado com o Náutico

» Dado confirma Elicarlos

» A pelada que nasceu do pagode

» Ataque do Náutico precisa manter ascensão

» Diego Souza quer jogar 90 minutos

 

 

Reviravolta: Sport quer emprestar Aílton ao Santa Cruz

 Foto: Edmar Melo / JC Imagem

Foto: Edmar Melo / JC Imagem

Em entrevista ao Blog do Torcedor, o empresário do meia Aílton garantiu que na noite do domingo acertou o empréstimo do jogador ao Avai. até o final do ano.

Nesta segunda pela manhã o executivo de futebol do Sport, Ney Pandolfo, também confirmou a negociação de Aílton com o clube catarinense.

Mas no decorrer do dia, surgiu uma novidade. O Sport mudou de idéia e tentou negociar o atleta com o Santa Cruz. Quem detalha a situação é o empresário do jogador.

“Hoje me ligou o Nei Pandolfo com essa conversa de negociação com o Santa Cruz, os dirigentes querem levar o jogador pra lá, garantindo inclusive pagar de maneira integral o salário do atleta. Para os outros clubes, o Sport não queria pagar o salário todo e agora para um rival quer pagar todo o salário do atleta? Achei muito estranho”, explicou o empresário de Aílton, Marcos Santos.

O empresário negou o acerto.

“Dei minha palavra ao Geninho e ao Avai. Não vou aceitar atrapalhar meu trabalho. Achei muito estranho essa mudança do Sport”, disse.

Náutico quer vencer Joinville para aumentar sonho do acesso

Foto: Edmar Melo/JC Imagem

Foto: Edmar Melo/JC Imagem

Na situação em que o Náutico se encontra, em sétimo com 34 pontos, cada vitória é fundamental para aumentar o sonho de entrar no G4 da Série B – algo difícil de se imaginar até algumas rodadas atrás da competição. Por isso, só os três pontos interessam contra o Joinville, nesta terça-feira, na Arena Pernambuco, pela 23ª rodada da Segundona. Se o Timbu vencer, pode reduzir ainda mais a diferença para o grupo de quatro melhores – que atualmente é de quatro pontos.

Náutico com poucas mudanças

Dentro da linha de raciocínio, o técnico Dado Cavalcanti não irá fazer muitas mudanças no Náutico. As prováveis alterações são Elicarlos, no lugar do suspenso João Ananias, e os retornos de Roberto e Mário Risso nos lugares de Rai e William Alves respectivamente. O restante da equipe é a mesma que bateu o Ceará por 2×1 na última rodada.

Joinville com problemas

Os catarinenses chegam para a partida com alguns problemas. O lateral-direito Edson Ratinho está suspenso e não pode atuar. Além disso, o atacante Fabinho sentiu dores musculares e é dúvida. Outra complicação é o pouco tempo que a equipe teve para treinar. Foi apenas uma movimentação.

Quem pode decidir

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Sassá. Depois dos dois gols contra o Ceará, o atacante Sassá quer manter a boa fase no restante da competição. Para isso, vai apostar mais uma vez no jogo veloz. Se estiver em uma grande mais uma vez, é a grande esperança de vitória dos alvirrubros.

Fique de olho

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Vinícius. Apesar de não ter feito gols nos últimos quatro jogos do Náutico, o meia Vinícius ainda é um ponto de desequilíbrio no Timbu. Dos pés dele, podem sair os principais lances de perigo da equipe de Dado Cavalcanti. Então vale o torcedor ficar ligado nele.

Palavra do treinador

Foto: Edmar Melo/JC Imagem

Foto: Edmar Melo/JC Imagem

“Nesse jogo teremos uma proposta um pouco mais aberta. Talvez se assemelhe um pouco com o que foi contra o Bragantino. Mas é óbvio que a nossa marcação será premissa para a vitória”, disse.

A ameaça

Jael. O atacante do Joinville com certeza é a principal ameaça ao Timbu na partida. Com 12 gols, Jael é o vice-artilheiro da Segundona. Ter atenção às movimentações dele é fundamental.

FICHA DA PARTIDA – NÁUTICO X JOINVILLE

Náutico: Júlio César; Rafael Cruz, William Alves, Renato Chaves e Roberto; Elicarlos, Paulinho, Vinícius e Cañete; Sassá e Crislan. Técnico: Dado Cavalcanti.

Joinville: Ivan; Murilo, Bruno Aguiar, Thiago Medeiros e Rogério; Naldo, Washington, Everton e Marcelo Costa; Jael e Fabinho (Edigar Junio). Técnico: Hemerson Maria.

Série B (23ª rodada). Local: Arena Pernambuco. Horário: terça-feira, às 19h30. Árbitro: Francisco Carlos do Nascimento – AL. Auxiliares: Pedro J Santos de Araujo e Otávio Correia de Araujo Neto (ambos de Alagoas).

Desfalcado, Santa Cruz busca reabilitação diante do Luverdense

Buscando a reabilitação fora de casa, o Santa Cruz enfrenta nesta terça-feira o Luverdense. O jogo acontece às 21h50 no Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso. Com a punição do STJD ao América/MG, ambas as equipes se beneficiam e ganham uma posição na tabela. Agora, o Tricolor é o 10º colocado com 30 pontos. Na nona colocação está o Verdão, com um ponto a mais, que vem de duas derrotas – para Vasco e Ponte Preta. Na última rodada, os pernambucanos perderam por 3×2 para o Paraná, no último domingo.

Desfalques

Artilheiro do Santa Cruz, Léo Gamalho fica de fora pelo terceiro cartão amarelo. Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

Artilheiro do Santa Cruz, Léo Gamalho fica de fora pelo terceiro cartão amarelo. Foto: Alexandre Gondim/Acervo JC Imagem

Como se não bastasse a pressão da torcida para vencer, o técnico Sérgio Guedes ainda precisa lidar com a falta de três jogadores importantes no time principal. O zagueiro Renan Fonseca e os atacantes Léo Gamalho e Pingo cumprem suspensão automática porque no jogo contra o Paraná, no último domingo, levaram o terceiro cartão amarelo na competição. Além deles, o volante Bileu é dúvida, pois há suspeitas de uma lesão na coxa direita e ele passar por avaliação.

Guedes ainda não deu pistas da equipe titular nesta terça, mas a expectativa é que Marllon entre no lugar de Renan Fonseca. Caso Bileu não tenha condições, Everton deve ser o substituto. A dúvida é mais à frente: para formar a dupla de ataque com Keno, o treinador pode escolher entre Flávio Caça-Rato e Adilson. Há também a possibilidade de escalar Renatinho como meia ao lado de Natan e avançar Wescley.

Quem pode decidir?

Foto: Acervo JC Imagem

Foto: Acervo JC Imagem

Wescley. Dividindo com Léo Gamalho a artilharia do Santa Cruz na Série B, o meia já marcou cinco gols. Em uma das prováveis escalações para o jogo contra o Luverdense, pode improvisar a dupla de ataque com Keno.

Palavra do Técnico

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

Foto: Diego Nigro/Acervo JC Imagem

“Fizemos avaliações sobre a escalação em treinamentos passados e temos algumas opções. Quero um time com saída rápida, eficiente. Independente de ter vencido ou não os jogadores precisam assimilar e traduzir isso em ação positiva lá na frente. Nesta terça acho que o adversário pode se precipitar, então, se tivermos uma marcação efetiva, os espaços podem aparecer”

O adversário

O Santa Cruz não é o único a sofrer com os desfalques. No Luverdense, o técnico Júnior Rocha não conta com o zagueiro Zé Roberto, expulso na partida contra a Ponte Preta. O substituto deve ser Braga, que volta de suspensão pelo terceiro cartão amarelo. O treinador também poderá escalar os laterais Raul Prata e Michel e o atacante Misael, que ainda se recupera de dores no tornozelo.

Ficha Técnica: Luverdense x Santa Cruz

Luverdense: Gabriel Leite; Gilson, Montoya, Braga e Edinho; Carlão, Jean Patrick, Samuel (Júlio Terceiro), Rubinho e Washington; Reinaldo. Técnico: Júnior Rocha.

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Tony, Everton Sena, Marllon e Julinho; Sandro Manoel, Everton, Natan e Renatinho; Wescley e Keno. Técnico: Sérgio Guedes.

Série B (23ª rodada). Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT). Terça-feira (15), às 21h50. Árbitro: Edivaldo Elias da Silva (PR). Assistentes: Adair Carlos Mondini e Pedro Martinelli Christino (ambos do PR).

Última derrota reforçou a fama do Sport de time ‘caseiro’ na Série A

Foto: Guga Matos/JC Imagem

Foto: Guga Matos/JC ImagemDerrota 

A derrota em Santa Catarina para a Chapecoense na última rodada manteve a campanha ruim do Sport em jogos longe de casa na Série A do Campeonato Brasileiro. Se computados apenas os jogos longe de Pernambuco, Leão ocupa apenas o 15º lugar, com duas vitórias, dois empates e sete derrotas. Muito pouco para quem almeja chegar ao G-4 que classifica para a Libertadores do ano que vem.

Atualmente o campeonato está no aguardo da 22°rodada. No momento o Leão é o sétimo com 31 pontos. Dentro de casa a equipe de Eduardo Baptista mantém a fama de bom visitante, com sete vitórias, dois empates e apenas uma derrota. Campanha igual a do São Paulo (2°colocado) e melhor que a do Corinthians (4°), com 23 pontos no total.

Um dos fatores que explica a má campanha como visitante é a baixa pontaria do time. Apenas cinco dos 20 gols marcados aconteceram fora. Os comentarista Maciel Junior da Tv Jornal e Rádio Jornal; Wladmir Paulino, jornalista do Portal NE10 e Alexandre Arditti, do Jornal do Commercio, comentaram sobre a campanha do Leão  fora de casa.

Todos afirmaram que o time está sentindo a falta dos jogadores que estão no departamento médico, principalmente Rodrigo Mancha. Para ambos, a presença de Mancha na equipe daria mais proteção a defesa e reforçaria a marcação no meio de campo.

Maciel Junior – Acho que a campanha do Sport é semelhante a do Náutico de Alexandre Galo em 2012, um time consistente, motivado em casa mas que não conseguia repetir o bom futebol quando atuava longe do Recife. O Eduardo está sentindo a falta de alguns jogadores que estão machucados.

Mancha, Régis, Ewerton Páscoa seriam titulares. Mas a campanha não é ruim, é o sétimo colocado, o problema é que o Sport está perdendo para adversários inferiores e isso é ruim para um time que faz uma boa campanha”, analisou.

Arditti – Acredito que a questão seja psicológica, o Sport entra com medo de ousar e preocupado com os erros. Em casa o time não comete tantas falhas quando joga fora. Claro que está sentindo a falta dos jogadores que estão machucados, principalmente o Rodrigo Mancha. Mesmo assim o Sport poderia estar numa posição melhor”, afirmou.

Wladmir Paulino – Acredito também que o Sport está com medo de ousar quando joga fora de casa, o próprio Eduardo Baptista falou isso antes do último jogo. A prova disso são os poucos gols fora de casa, apenas cinco dos 20 em toda a Série A. O time está sem força ofensiva, marca muito atrás e mesmo assim deixa espaços para os adversários.

No último jogo o Sport começou marcando bem, mas depois dos 20 minutos recuou”, afirmou e completou. “Os lesionados estão fazendo falta, principalmente Rodrigo Mancha e Ewerton Páscoa. Para mim, o Páscoa deveria voltar a ser volante”.

Empresário praticamente garante Carmona no Náutico; jogador quer ficar

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Apesar de ter deixado o Recife com destino a São Paulo, o meia Pedro Carmona está muito perto de um final feliz com o Náutico. Em entrevista ao Blog do Torcedor, o empresário do jogador, Giuliano Tadeu, confirmou que o Alvirrubro fez proposta oficial de contrato para o jogador e que o acerto está praticamente feito. Falta apenas ter uma conversa com o atleta, que ocorrerá nesta terça-feira, em São Paulo.

“Carmona está indo para São Paulo porque meio que cansou de esperar um posicionamento do clube, mas hoje recebemos a proposta. A questão financeira não será problema. Ele quer ficar no Náutico. Vou conversar com o Pedro amanhã (terça) e acredito que teremos um final feliz”, disse Giuliano.

LEIA MAIS:
> Náutico deve apresentar proposta a Carmona na próxima semana

> Carmona: Não recebi nenhuma proposta do Náutico

Pedro Carmona ficou sem contrato com o Alvirrubro depois de briga jurídica com o São Caetano. O meia ganhou a quebra de contrato com o clube paulista, que por consequência desfez o empréstimo com o Náutico. O jogador, que ainda se recupera de lesão no joelho direito, esperou até então a proposta do Timbu. Como ela demorou a vir, decidiu ir para São Paulo, mesmo querendo continua no Recife. “Quero ficar no Náutico. Em poucos dias começo a correr e não vejo as coisas se resolverem. Foi uma decisão minha junto com a família. Em São Paulo vou estar com minha namorada e meu apartamento. Ainda acredito em um acerto”, afirmou.

A direção do Náutico também praticamente dá como certa a continuidade de Carmona no clube. “Conversamos com o empresário e aceitaram a proposta. Vamos aguardar a reposta dele, mas acredito que é questão de tempo para as coisas se resolverem”, disse José Barbosa, vice-presidente de futebol do Timbu.

Se assinar o novo contrato com o Alvirrubro, Pedro Carmona irá reduzir um pouco o salário. O vínculo será até o fim de 2015. A expectativa é que o meia comece a correr em poucos dias. Com contratado assinado, voltaria a se recuperar na capital pernambucano.

STJD pune e tira 21 pontos do América-MG na Série B

O América-MG foi punido nesta segunda-feira com a perda de 21 pontos na Série B do Campeonato Brasileiro, por ter relacionado irregularmente o lateral Eduardo para quatro jogos da competição. Com isso, é o lanterna da competição e o Santa Cruz, que estava na 11ª posição, agora é o 10º colocado. A decisão foi tomada no início da noite pela 1ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por 4 votos a 1.

O atleta atuou apenas por uma partida pelo América-MG, contra o ABC, mas, como ficou entre os suplentes em outras três vezes (contra Paraná, Oeste e América-RN), a punição é extensiva aos quatro jogos.

Ele não poderia atuar por mais nenhum clube na temporada, pois defendera antes São Bernardo, pela primeira fase da Copa do Brasil, e Portuguesa, em seis partidas da Série B. O clube mineiro infringiu assim o Artigo 49 do Regulamento Geral de Competições da CBF e o Artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Além de perder 21 pontos em decisão da 1ª Comissão, o América foi multado em R$ 4 mil. O clube vai recorrer ao Pleno do STJD. Enquanto isso, vai ter que amargar uma queda abrupta na tabela da Série B, da oitava para a última posição da competição, com 12 pontos. Com isso, o Bragantino subiu para o 16.º lugar e, no momento, está fora da zona de rebaixamento.

De acordo com o CBJD, o América perdeu 12 pontos (pelas quatro partidas em que Eduardo assinou a súmula) e mais 9 pontos (correspondentes aos três jogos que o clube venceu com o atleta à disposição – contra Paraná, Oeste e ABC). Eduardo foi apresentado ao clube em 27 de junho e já deixou o clube.

Sport: Neto Baiano nega atrito com técnico e quer permanecer no clube

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

De volta ao time após ser desfalque contra a Chapecoense na última rodada o atacante Neto Baiano pode ser titular no jogo contra o Inter-RS, nesta quarta-feira, na Arena PE, pela Série A. Neto, que se envolveu em polêmicas durante a semana, por causa de uma possível insatisfação após ir para o banco de reservas no jogo contra o Santos, negou qualquer tipo de atrito com o técnico Eduardo Baptista, e que estaria deixando o clube.

O atacante postou uma mensagem em uma rede social, dando a entender que estaria deixando o clube. Segundo ele, tudo não passou de um mal entendido. “Não tenho nada contra o treinador, ele faz o dele e eu faço o meu. Quem comanda é ele e não sou eu quem tem que achar o que é certo ou errado no time. Respeito a opinião dele mas não posso estar feliz no banco de reservas, quem estiver feliz nessa condição tem que ir embora. Estou ‘puto’ comigo mesmo”, afirmou.

“Não tenho motivos para ir embora, falei na rede social que se um dia saísse do Sport sempre iria sentir saudades. Se quiser sair falo com a diretoria, pego as minhas coisas e vou embora”, contou.

Página 1 de 6.76912345...102030...Última »