Náutico- Vassoura se destacando nos treinos

Ele foi personagem de uma polêmica recente.

Saiu do time de futebol society do Náutico, para fazer testes no time profissional de futebol de campo.

Alguns jornalistas e torcedores criticaram de cara, sem nem esperar tanto.

Mas nos treinamentos o meia Vassoura acabou chamando a atenção, mostrando habilidade, fazendo gols e até já recebeu elogios do técnico e dos companheiros.

E aí, vem a dúvida. Contratar ou não contratar?

Uma coisa é certa. O apelido está atrapalhando, sendo um “peso” a mais nessa situação.

“Imagino que alguns só pensam em nome vindo de fora e não pensam na qualidade do jogador. Durante o treinamento estou mudando o conceito e pensamento de algumas pessoas”, explicou o jogador.

A vontade em poder vestir a camisa alvirrubra é enorme.

“É um desejo muito grande , não só de assinar com o Náutico, mas de poder jogar e ser um peça importante. Ser uma referência pra torcida. Sonho em vestir essa camisa , quero ser útil no grupo. Quero estar no Nautico por muitos anos. Gosto do Náutico e a cada dia eu fico mais ansioso pra assinar e jogar pelo clube

O nome de Vassoura é Williams Oliveira do Nascimento. Ele tem 28 anos e já passou pelo Central/PE, Vera Cruz/PE, Campinense/PB, CSA, Mogi Mirim/SP, Salgueiro/PE, Itabaiana/SE e Araripina/PE.

O jogador também viveu uma rápida experiência internacional no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia.

“Foram apenas dois amistosos, em 2010. O Jadson que está no Corinthians que me indicou. Foi muito bom, maravilhoso. Um jogo eu entrei no lugar de Fernandinho. Foi muito bom estar com jogadores dessa qualidade”.

Abaixo, um vídeo com alguns lances do atleta:

Empresário de Carmona vem ao Recife para tentar renovação com o Náutico

Foto: Diego Nigro / JC Imagem

Foto: Diego Nigro / JC Imagem

Por Felipe Amorim, do JC Online

O Náutico dará um grande passo para contar mais uma vez com o futebol de Pedro Carmona, hoje sem clube. Pelo menos é o que garantiu o gerente de futebol Carlos Kila, na tarde desta quinta-feira, no CT Wilson Campos. Na próxima semana, em dia ainda não especificado, acontecerá uma reunião entre o empresário do atleta e os dirigentes alvirrubros com a intenção de bater o martelo. 

“Pedi para Magrão, empresário de Carmona, chegar com uma proposta para nós na próxima semana. Estamos 100% confiantes num acerto com o jogador”, disse Kila.

Segundo explicou o gerente de futebol, como a cúpula alvirrubra já trabalha paralelamente visando a próxima temporada, Pedro Carmona está na pauta. “Temos um conceito de projeto que estamos trabalhando, e nele Carmona é a nossa prioridade. É um jogador que se identificou com o clube, jogou muito bem e o nosso desejo é postergar o contrato até 2015”, afirmou o dirigente.

Atualmente, Pedro Carmona continua se recuperando das duas delicadas cirurgias realizadas no joelho direito no Náutico. A direção também afirmou que continuará pagando os salários normalmente até o fim do ano. A previsão para o retorno do atleta aos campos é apenas no fim de novembro.

ENTENDA O CASO

Com alguns meses de salários atrasados por parte do São Caetano, Pedro Carmona conseguiu na Justiça do Trabalho romper o contrato com o Azulão, válido até o fim de 2015. Como consequência, seu empréstimo com o Náutico até o fim da temporada também se desfez. O clube paulista alegou que irá recorrer da decisão judicial. O meio-campista, agora, é dono de 100% dos seus direitos federativos.

Santa Cruz – Sérgio Guedes não descarta Flávio Caça Rato

Foto: Guga Matos/JC Imagem

Foto: Guga Matos/JC Imagem

Do JC Online

A diretoria do Santa Cruz garantiu, na tarde desta quinta-feira (31/7), que ainda não recebeu nenhuma proposta oficial do Fortaleza pelo atacante Flávio Caça-Rato. O jogador treinou normalmente, no Arruda, em uma conversa informal afirmou apenas que soube da notícia pela imprensa. Sobre o assunto, o técnico Sérgio Guedes assegurou que em nenhum momento descartou o atleta. Por isso, garantiu que o avante continua nos seus planos, mas comentou que uma transferência para o clube cearense é um decisão do jogador, do seu empresário Gílson Medeiros e da diretoria.

“Flávio Caça-Rato nunca foi descartado. A prova é que entrou no segundo tempo contra o Ceará (sábado passado, quando o time perdeu por 3×2). Portanto, está sendo utilizado. Agora, tem o aspecto profissional. É o jogador, o seu representante e a diretoria que avaliam uma possível negociação”, comentou o técnico.

Sérgio Guedes ainda afirmou que o atacante tem uma história no clube e o elogiou. “Flávio está sempre disposto, trabalha forte e sabe que não está perdendo espaço. Agora, tenho opções e sempre faço a avaliação. Vai jogar quem estiver em melhor condição. Todos aqui são importantes.”

Para a posição, além de Caça-Rato, Sérgio Guedes dispõe de Betinho, Keno e Adílson, como também dos atuais titulares Pingo e Leo Gamalho.

Destaques desta quinta no Blog do Torcedor

destaques-770

Em entrevista ao Blog, o presidente da Federação Pernambucana de Futebol, Evandro Carvalho, confirmou que as negociações para que sejam realizados amistosos da Seleção Brasileira em Pernambuco estão em andamento. A previsão é que, passados os jogos contra Colômbia (05/09) e Equador (09/09), vai haver uma reunião para definir a data da partida na capital pernambucana.

No futebol local, Régis voltou a treinar normalmente no Sport. O jogador não se queixou de dores e poderá ser relacionado para o jogo do próximo domingo, contra o Figueirense. No Santa Cruz, a dúvida continua: Caça-Rato fica ou acerta sua transferência para o Fortaleza? O atacante afirmou que ainda espera por uma proposta oficial. E a crise segue causando transtornos no Náutico. Nesta semana, outros três jogadores deixaram o Clube, mas a diretoria preferiu não se pronunciar sobre o caso.

Confira os detalhes:

>> Reunião vai definir data do amistoso da Seleção no Recife
>> Sport: sem dores, Régis treina normalmente e pode ser relacionado
>> Santa Cruz e Sport entre os melhores públicos das Américas
>> Santa Cruz: “O que eu quero é jogar”, diz Caça-Rato
>> Depois de Auremir, Náutico perde outros três jogadores
>> Opinião – O tratamento diferente a Sidney Moraes e Sérgio Guedes

Sport: Eduardo Baptista entre Zé Mario e Danilo

Imagem de Eduardo Baptista. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Imagem de Eduardo Baptista. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

O técnico Eduardo Baptista tem quase todo o time definido para enfrentar o Figueirense no próximo domingo no Orlando Scarpelli pela 13° rodada da Série A. ‘Quase’ porque ainda existe uma dúvida na cabeça do técnico, no meio de campo. Zé Mario, titular e que tem a função de armar as jogadas ainda não vingou e está ameaçado de perder a vaga para Danilo.

O lateral-esquerdo mas que também joga de ponta vem treinando bem ao longo da semana e pode pintar no time principal. Além deles, Ananias praticamente garantiu uma vaga para pegar o Figueirense pois vem sendo escolhido por Eduardo desde a primeira vez que ele esboçou o time titular, na última quarta-feira.

Imagem de Danilo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Imagem de Danilo. Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Renan Oliveira e Aílton seguem em baixa com o treinador e sequer tiveram os nomes cogitados para assumir a posição. Se optar por Zé Mario, Ananias pode continuar jogando pelos lados do campo e mais avançado formando o ataque com Neto Baiano e Felipe Azevedo. Caso seja Danilo, ele é quem vai fazer a função de ponta, deixando Ananias na criação das jogadas.

Autor de dois gols contra o Paysandu pela Copa do Brasil, Ananias garantiu que não terá problemas em atuar mais centralizado. O certo é que mesmo fora de casa o Sport vai no 4-3-3 e não há motivos para não ser ofensivo pois estarão diante da equipe com a pior campanha na Série A.

Régis e Augusto César

Imagem de Régis e Augusto. Foto: Matheus Albino - Blog do Torcedor

Imagem de Régis e Augusto. Foto: Matheus Albino – Blog do Torcedor

Os meio campistas estão recuperados de lesão na coxa, e participaram normalmente do treino desta quarta-feira onde jogaram no time reservas. Os dois correram bastante e estão à disposição de Eduardo Baptista que irá analisar a possibilidade de relacioná-los para o jogo em Florianópolis.

Com isso, o rubro negro ganhou mais duas opções para formar o meio de campo e a tendência é que a ‘dor de cabeça’ de Eduardo aumente ainda mais.

Sport precisa ter cuidado com impedimentos

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Foto: Diego Nigro/JC Imagem

O Sport fez 11 gols em 12 jogos nesta Série A. Menos de um gol marcado por partida. Média que precisa melhorar. E o caminho para isso pode estar num pequeno ajuste- se livrar dos impedimentos.

O time é o segundo com mais impedimentos na competição. São 32 até agora. Em primeiro aparece o São Paulo com 41.

Além disso, o atacante Neto Baiano é o segundo que mais fica impedido na Série A. São 14. Na primeira colocação aparece Luis Fabiano, do São Paulo, com 17.(Dados do Footstats)

Para evitar esse problema, dois aspectos são bem importantes. Primeiro, os jogadores do setor ofensivo precisam ter uma melhor noção de posicionamento(do próprio e dos zagueiros adversários).

Além disso, quem está servindo os companheiros, no chamado “último passe,” tem que ter uma tomada de decisão mais rápida e acertar esse tempo de passar a bola.

Corrigindo isso, o Sport pode aumentar essa média de gols marcados.

Náutico mantém Sidney no comando alvirrubro

Reportagem do programa Replay, da Tv Jornal

Santa Cruz faz ajustes e o clima é de mistério

Reportagem do programa Replay, da Tv Jornal

Página 1 de 6.65012345...102030...Última »