publicidade
17/05/18
Whitney Houston/Foto: Reprodução da Internet
Whitney Houston/Foto: Reprodução da Internet

Whitney Houston foi abusada sexualmente pela prima, segundo documentário

Publicado por Júlia Molinari em Notas às 15:30

O documentário “Whitney”, de Kevin Macdonald, traz segredos da vida íntima de Whitney Houston. Amigos da cantora relatam que ela foi molestada quando criança pela prima Dee Dee Warwick. Os depoimentos foram exibidos pela primeira vez no Festival de Cannes, na França, nesta quinta-feira (17). Dee Dee, que é irmã da também cantora Dionne Warwick, teria cometido o abuso durante a infância de Whitney. Assistente de longo tempo da cantora Mary Jones revelou ao diretor da produção que a artista a confidenciou o abuso.

Gary Garland-Houston, irmão da estrela, confessou que foi molestado quando tinha entre 7 e 9 anos de idade por uma mulher da família. Gary disse que a irmã foi abusada também. A cunhada Pat Houston foi outra a relatar o abuso contra Whitney no filme. Dee Dee Warwick era 18 anos mais velha que a prima e morreu em 2008. Ainda, a produção foi realizada em cooperação com a família de Whitney e traz depoimentos de sua mãe, Cissy, e seu ex-marido Bobby Brown.

Dee Dee era sobrinha de Cissy; as irmãs Warwick às vezes cantavam no grupo gospel da tia. Nomeada duas vezes para o Grammy, Dee Dee fez segunda voz para Wilson Pickett, Aretha Franklin e outros. O documentário salienta que os abusos ocorreram enquanto Cissy estava em turnê. Whitney teria insistido que a mãe levasse sua filha, Bobbi Kristina Brown, para as viagens com ela.

Ainda, a assessora Mary Jones contou que a experiência de abuso fez Whitney questionar a própria sexualidade e contribuiu para a dependência da cantora em drogas, coisa que lutou contra por toda a sua vida. A cantora morreu em 2012, aos 48 anos, após se afogar acidentalmente em uma banheira. A estreia está prevista para o dia 6 de julho. Veja:



FECHAR