publicidade
07/08/17
Caetano Veloso - Foto: reprodução
Caetano Veloso - Foto: reprodução

75 anos de Caetano Veloso

Publicado por Romero Rafael em Gente às 10:41

O camaleônico Caetano Veloso chega aos 75 anos neste 7 de agosto de 2017. Nascido Caetano Emanuel Viana Teles Veloso, o baiano de Santo Amaro da Purificação, filho de dona Canô e irmão de Maria Bethânia, tem avançado os anos confirmando-se, quem sabe, o artista mais versátil da música popular brasileira (não se trata do rótulo MPB, hein?!): é experimental e popular, uma intersecção entre a vanguarda e o regionalismo; é prosa e poesia, romântico e pós-moderno, da crítica e do grande público. Voz que guia a novela das nove, A força do querer, com o tema de abertura, O quereres, a música de Caetano já embalou trabalhos e personagens que, juntos, estão na memória coletiva do País. Neste dia dedicado a ele, a gente convida a uma viagem musical pelas trilhas que marcaram:

Alegria alegria, tema de abertura de Sem lenço, sem documento (1977)

Queixa, tema de abertura de O homem proibido (1982)

Você é linda, em Eu prometo (1983)

Milagres do povo, tema de abertura de Tenda dos milagres (1985)

Shy moon (com Ritchie), tema de Volpane (Ney Latorraca), em Um sonho a mais (1985)

Isto aqui o que é, tema de Raquel (Regina Duarte), em Vale tudo (1988)

Meia-lua inteira, em Tieta (1989)

Alegria, alegria, em Anos rebeldes (1992)

Soy loco por ti, America, em Anos rebeldes (1992)

Você é minha, tema de Antônio (Murilo Benício) e Rebeca (Alessandra Negrini), de Meu bem querer (1998)

Sozinho, tema de Eliseo (Rodrigo Santoro), em Suave veneno (1999)

Luna Rossa, tema de Francesco (Raul Cortez), em Terra nostra (1999)

Samba de verão, em Laços de família (2000)

Escândalo, tema de Xande (Marcello Novaes), em O clone (2001)

Sonhos, tema de Chico (Eduardo Moscovis), em Desejos de mulher (2002)

Céu de Santo Amaro (com Flávio Venturini), em Cabocla (2004)

Você é linda, tema de abertura de Belíssima (2005)

Oração ao tempo, em Duas caras (2007)

Tropicália, tema de abertura de Velho Chico (2016)

Triste Bahia, em Velho Chico (2016)

O quereres, tema de abertura de A força do querer (2017)

 



PUBLICIDADE
FECHAR