Saiba mais sobre a vinícola onde foi gravada “Amores Roubados”

Publicado por em Notas às 08h22
As vinhas dão todo o ano. Fotos: Rafael Benevides

As vinhas dão todo o ano. (Fotos: Rafael Benevides / RioSol)

Se você está seguindo “Amores Roubados”, percebeu que a direção de fotografia trouxe imagens incríveis e ângulos inusitados do sertão pernambucano. Sim, aqui pertinho. A minissérie global foi rodada em Petrolina, Lagoa Grande, Juazeiro (BA) e Paulo Afonso (BA). A vinícola que vimos na TV é, na verdade, a RioSol, cujo diretor comercial é o português João Santos.

Caminho para a casa-sede

Caminho para a casa-sede

Colheita de uvas

Colheita de uvas

Parte do caminho usado como locação

Parte do caminho usado como locação

A Vitivinícola Santa Maria possui 200 hectares de área plantada, com cerca de 20 espécies de uvas, entre elas a Merlot, Touriga Nacional, Syrah, Alicante Bouchet, Tempranillo e Cabernet Sauvignon. Fica localizada no paralelo 8, o que permite uma situação única no mundo que é a possibilidade de ciclos contínuos de produção, ou seja, várias colheitas ao longo do ano. Em outras localidades, a colheita acontece apenas uma vez por ano.

Os tanques de vinho

Os tanques de vinho

Depois da minissérie, com certeza, a procura por passeios pela área vai aumentar já que as filmagens destacaram bem a infraestrutura da vinícola, assim como seu trabalho com as vinhas e a produção da bebida.

João Santos, o todo poderoso da RioSol

João Santos, o todo poderoso da RioSol

Um detalhe: a enóloga Tania Fazendeiro foi figurante da minissérie.

A enóloga Tânia Fazendeiro em ação

A enóloga Tânia Fazendeiro em ação

 

3 ideias sobre “Saiba mais sobre a vinícola onde foi gravada “Amores Roubados”

  1. Drica

    Que lindo. Espero que o turismo aumente e muito por la. Principalmente, o turismo de negocios que e mais vantajoso. Seria muito bom no futuro um hotel como os da regiao do vinho da California.

  2. Francisco Amorim

    A produção de vinhos na região do Vale do Submédio São Francisco teve início na década de 80, na Vinícola do Vale do São Francisco, implantada na Fazenda Milano, no município de SANTA MARIA DA BOA VISTA-PE. A partir de 1986 a vinícola do Vale do São Francisco começou a engarrafar e comercializar o próprio vinho que produzia com a marca Botticelli, continuando em produção até os dias atuais.
    Em seguida foram criadas, no município de LAGOA GRANDE-PE, na década de 90, a Adega Bianchetti (vinhos com a marca Bianchetti), a Vitivinícola Lagoa Grande (vinhos com a marca Garziera) e a Vitivinícola Santa Maria (vinhos com a marca Adega do Vale). A Vitivinícola Santa Maria, a partir da década de 2000, foi adquirida pelo grupo português Dão Sul, quando surgiram os vinhos com a marca Rio Sol. Nessa mesma época surgiram a Duccos Vitivinícola, também em Lagoa Grande-PE, a Vinícola Passarin, no município de Petrolina-PE e a Vinícola Ouro Verde (parceria Miolo/Lovara), no município de Casa Nova-BA (com os vinhos da marca Terranova).
    Como suporte tecnológico para a produção de uvas e vinhos na região do Vale do São Francisco, funciona desde 2005 o Curso Superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia " IF Sertão PE, sediado no município de Petrolina-PE, formando Enólogos e Somellieres e auxiliando ainda no desenvolvimento dos diversos setores que utilizam o vinho como produto comercial.
    A minissérie AMORES ROUBADOS veio apresentar ao Brasil um dos grandes valores que temos no nosso Nordeste, que é a produção de uvas e vinhos, com a exclusividade de se produzir em todo e qualquer dia do ano, diferente do restante do mundo que produz somente 1 vez no ano, durante o verão.
    Nosso verão é contínuo e bastante diferenciado também em função do caudaloso Rio São Francisco que rega nossas paisagens maravilhosas e únicas!!!

    Vale a pena conhecer!!!

  3. CARLOS ALVES DA SILVA

    muito lindo, estpu acompanhando a mini serie e adorei a vinicula, gostaria de um dia poder conhecer, parabéns aos administradores da fazenda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>