publicidade
29/04/15

Porto Digital inaugura aceleradora de negócios e lança chamada para empresas

29 / abr
Publicado por Renato Mota em MERCADO às 13:44

Divulgação.
Foto: Beto de Oliveira/Divulgação.

O Porto Digital lançou nesta quarta (29) oficialmente sua aceleradora de empresas, a Jump Brasil. O evento marcou também o lançamento da chamada pública do primeiro ciclo de aceleração, que vai escolher cinco negócios.

Os empreendedores interessados têm até dia 29 de maio para inscrever seus planos de negócios. Na primeira fase de seleção é necessário ainda enviar um vídeo sobre o negócio. Em uma segunda etapa, serão feitas entrevistas com os empresários candidatos.

A Jump Brasil marca uma nova fase do Porto Digital, que agora poderá receber empreendimentos que já apresentam alguma maturidade e possuem perspectivas de atender demandas do mercado. O polo contava até então com incubadoras, que é uma estrutura voltada para projetos ainda em fase inicial.

“O Porto Digital possui uma estratégia de desenvolvimento do empreendedorismo e inovação suportada por incubadoras e aceleradoras. O público-alvo da Jump Brasil são as empresas que já apresentam alguma maturidade no seu modelo de negócios e com perspectivas de atender às demandas do mercado. Startups em diferentes estágios podem ser apoiadas pelo nosso programa de incubação, preparando-se para posterior processo de aceleração”, disse Francisco Saboya.

As empresas passarão por um processo de descoberta, validação e aquisição de clientes. Depois, os empreendimentos serão levados para um encontro com investidores. A Jump terá participação societária nos negócios, de 6% a 12%.

Ao todo serão investidos R$ 20 milhões em um período de cinco anos para estruturação das startups, reforma do prédio e eventos. Os recursos são do Grupo Jereissati Participações. A Jump também começa já integrada ao programa Start-Up Brasil, do Governo Federal.

Serão investidos R$ 20 milhões em cinco anos. (Divulgação).
Serão investidos R$ 20 milhões em cinco anos. (Divulgação).

Estrutura

A sede da Jump fica na Rua do Lima, no bairro de Santo Amaro, bairro que passou a integrar o polo de tecnologia na recente ampliação do Porto. O lugar possui espaço para as empresas, um ambiente de coworking com 24 estações de trabalho, food service e área de exibição.

Além da aceleradora, a Jump vai receber palestras sobre inovações e empreendedorismo voltado para TI e economia criativa.

Em breve será instalado um estação dos carros sustentáveis elétricos do Porto Leve. Um estacionamento em frente ao prédio será reformado para receber a estrutura e os veículos.

Jump3

Olhando para a cidade

Segundo Saboya, a Jump espera contribuir para o desenvolvimento de soluções urbanas para melhorar a vida das pessoas. Na chamada atual foram escolhidos cinco temas: mobilidade urbana, energia, poluição, sustentabilidade e segurança. Uma das cinco vagas disponíveis será destinada a projetos que apresentem alternativas para esses temas.


FECHAR
publicidade