INTERNET

Tragédia em Santa Maria: Internautas brasileiros deram exemplo de mobilização nas redes sociais

POSTADO POR Paulo Floro , ÀS 11:34 EM 28/01/2013

Ainda que minoria, alguns episódios na internet e na TV mostraram o lado ruim da exploração do assunto

santamaria2
Foto: AFP

O domingo no Brasil foi de luto com a morte de pelo menos 233 pessoas em um incêndio em uma boate em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. O assunto foi o mais comentado nas redes sociais e gerou diversas mensagens de apoio e também de ajuda. Os usuários brasileiros – em sua maioria – deram um exemplo praticamente inédito em situações deste tipo, postando informações úteis e pedidos de doações.

Acompanhe a cobertura da tragédia pelo NE10

Essa mobilização através das redes sociais mostra que a sociedade brasileira, altamente conectada, pode se mostrar engajado para coisas úteis e importantes para todos. No Twitter e Facebook foram postados pedidos por doadores de sangue, água, medicamentos, e profissionais voluntários. Ainda teve gente que ofereceu transporte, abrigo e outros recursos. Outras centenas de tuítes e posts mostravam telefones úteis da Prefeitura de Santa Maria, Defesa Civil, IML, Bombeiros, Polícia Civil, etc. Ou seja, quem precisasse de algumas dessas informações ou ajuda, bastava uma busca nas redes.

O governador Tarso Genro organizou a logística de tudo isso, trabalhando em conjunto com órgãos municipais e estaduais. [Via Hildegarde Angel]

O grupo de mídia Clic RBS fez uma central de ajuda às vítimas em Santa Maria: wp.clicrbs.com.br/tragediaemsantamaria.

**

Algumas notícias tristes envolvendo internet e redes sociais em relação à tragédia de Santa Maria, em que morreram pelo menos 233 pessoas na madrugada do último sábado (26).

santamaria
Ilustração de Carlos Latuff via Facebook.

A Globo pediu desculpas em seu Twitter neste domingo após postar uma mensagem que convidava os usuários a criarem uma “lápida divertida e interativa” como forma de promover a série Pé na Cova. A rede foi criticada pela falta de sensibilidade com a tragédia e a péssima coincidência em relação ao incêndio. [Via Terra e BlueBus]

Já o Fantástico, exibido na noite desse domingo, tirou da programação os quadros mais amenos para deixar o jornal com mais seriedade em respeito aos mortos. Deixou, no entanto, uma matéria sobre futebol.

O Estadão publicou uma nota em seu Facebook pedindo aos usuários que postassem o perfil dos jovens falecidos. Eles também prometeram uma “grande cobertura”, com fotos e informações pessoais dos mortos. Ainda se promoveu dizendo que faria uma “grande cobertura na versão online e na impressa”. O post foi apagado. A informação foi do internauta Daniel Santiago, citado pelo BlueBus.

Muitas pessoas nas redes sociais reclamavam de usuários que postavam piadas e comentários de humor negro sobre a tragédia. Felizmente, essas pessoas foram minoria, o que leva uma reflexão sobre quem você não deveria estar seguindo na sua timeline. Muitos desses posts foram apagados depois de enxurrada de críticas.

Comentários:

Deixe um comentário

Seu email não será publicado



*

Você pode usar essas tags HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>