Arquivo da tag: Paulo Câmara

educação

Na TV Jornal, Paulo Câmara diz que não faltará recurso para cumprir promessas

Publicado em 28/08/2014 às 12:41 por em Eleições, Notícias
Foto: BlogImagem

Foto: BlogImagem

Ex-secretário da Fazenda, Paulo Câmara (PSB) garantiu nesta quinta-feira (28) que não faltará dinheiro para cumprir as promessas que tem feito durante a campanha para governador, como dobrar o piso salarial dos professores estaduais em quatro anos. “Fui secretário da Fazenda, sei onde procurar os recursos”, afirmou, em sabatina promovida pela TV Jornal.

Câmara também usou o a experiência como secretário de Administração do Estado para afirmar que vai contornar qualquer conflito que surja com outras categorias em função do benefício especial dado aos professores. “Vamos dar um foco aos professores agora porque é importante, porque é fundamental. Nós precisamos dar um passo à frente”, disse ao Blog de Jamildo após a entrevista.

LEIA TAMBÉM:
>> Na TV Jornal, Armando promete 4 novos corredores de ônibus, incluindo Avenidas Recife e Norte
>> Na TV Jornal, Zé Gomes fala em desmilitarizar PM

Durante a sabatina, Paulo Câmara também defendeu o Pacto Pela Vida, que tem passado por problemas após o aumento nos índices de homicídio ocorridos em 2014. “O nosso modelo de gestão prevê a correção de rumos. Em outros anos nós tivemos crescimento da violência, mas a gente estuda e vai diminuindo”, garantiu.

Questionado se além da promessa de construir novos hospitais não seria necessário investir na rede de saúde já existente, o candidato defendeu o esforço feito no governo e voltou a prometer ampliar o número de leitos. “Agora a gente tem que complementar a rede para que a rede no interior funcione melhor para não vir tanta gente para cá”, explicou após a saída do estúdio.

Câmara também evitou apontar erros na condução da Educação do Estado e disse que a área viveu grandes avanços nos últimos anos. Ele também disse que o Estado deve continuar buscando investimentos, buscando um crescimento por igual em todas as regiões.

O candidato socialista encerrou a série de entrevistas promovida pela TV Jornal com os candidatos ao Governo de Pernambuco durante o programa TV Jornal Meio-Dia. Também foram ouvidos o senador Armando Monteiro Neto (PTB) e Zé Gomes Neto (PSOL). A emissora fará o seu debate no dia 16 de setembro.

Tags: Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, psb,
educação

Paulo Câmara promete dobrar piso dos professores

Publicado em 28/08/2014 às 8:01 por em Eleições, Notícias
Foto: Aluísio Moreira/PSB

Foto: Aluísio Moreira/PSB

Em um ato de campanha realizado na noite dessa quarta-feira (27), no Clube Internacional, no Recife, o ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) prometeu que, caso seja eleito governador, irá dobrar o piso dos professores estaduais até o final do mandato, em 2018. Hoje, professores de nível técnico, formados em magistério, têm piso de R$ 1.698. Já os professores com formação superior possuem um piso de R$ 1.901.

“Avançamos muito na Educação desde 2007, mas ainda é preciso construir muito mais. Precisamos qualificar mais e remunerar melhor os nossos professores. Nos quatro anos do meu mandato, seremos capazes de dobrar a remuneração da categoria”, prometeu.

“Nos pouco mais de sete anos e meio do Governo Eduardo e João Lyra Neto, nós mais que dobramos essa remuneração. Isso mostra que esse Governo sabe construir, sabe tirar as coisas do papel. Há espaços fiscais para levantarmos esses recursos porque temos hoje um Estado enxuto”, afirmou ainda.

GANHE O MUNDO – Paulo Câmara também prometeu ampliar de 1,6 mil para 3 mil o número de alunos que participam do programa de intercâmbio “Ganhe o Mundo” a cada ano.

Câmara ainda prometeu realizar parcerias com municípios para que cada cidade possua uma escola de ensino integral. O candidato também prometeu criar uma faculdade técnica estadual para formar professores.

Tags: educação, Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, psb,
eleições 2014

Armando Monteiro pode apostar em preparo para reverter crescimento de Paulo Câmara

Publicado em 27/08/2014 às 11:33 por em Eleições, Notícias
Foto: José Cruz/Agência Senado

Foto: José Cruz/Agência Senado

O senador Armando Monteiro Neto (PTB) pode apostar no discurso de que é mais preparado para ser governador na tentativa de reverter o crescimento do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB). “Você não vota em alguém só porque é apoiado por outra pessoa, você vota porque é mais preparado”, tem dito o petebista.

Antes mesmo da divulgação da pesquias do Ibope dessa terça-feira (26), o senador já aguardava pelo crescimento de Paulo Câmara. A dúvida era quanto avançaria o candidato socialista. O levantamento mostrou que Câmara saltou de 11% para 29%. Por sua vez, Armando caiu de 43% para 38%.

O crescimento era visto como inevitável nesse momento, em função da comoção causada com a morte do ex-governador Eduardo Campos. No PTB, a avaliação é, inclusive, que ele demorou a acontecer.

LEIA TAMBÉM:
>> Ibope: Armando cai de 43% para 38% e Paulo Câmara sobe de 11% para 29%
>> Armando Monteiro diz que cenário pode mudar até eleição
>> PTB aponta tese da comoção para crescimento de Paulo Câmara na pesquisa Ibope
>> As pessoas querem saber quem é o candidato de Eduardo, diz Câmara sobre Ibope

Mesmo assim, a aposta é que o movimento seja uma tendência passageira. Por isso Armando tem dado declarações atribuindo o crescimento à comoção da população.

“Tenho a impressão de que logo, logo vamos poder demonstrar que esse processo vai decantar e aí, sim, teremos números que representem melhor o verdadeiro quadro da disputa política em Pernambuco”, afirmou na inauguração de um comitê.

“Essa pesquisa está refletindo um estado de comoção que foi amplificado extraordinariamente por uma intensa cobertura da mídia”, fez a avaliação.

No PSB o balanço é diferente. A equipe de Câmara acredita que ele já alcançaria esses paramares, só que mais pra frente, a partir de 15 de setembro.

Aliados de Armando têm dito que o guia eleitoral na TV e no Rádio era vista como a última esperança de Câmara. A morte de Eduardo mudou todo o cenário.

Tags: Armando Monteiro, Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, psb, PTB,
dinheiro para os prefeitos

Paulo Câmara promete criar o FEM Social

Publicado em 27/08/2014 às 8:46 por em Eleições, Notícias
Ftoo: Wagner Ramos/PSB

Foto: Wagner Ramos/PSB

Vendido pelo PSB como um dos criadores do Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), o ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) prometeu, na noite dessa terça-feira (26), que se eleito governador vai criar o FEM Social. O programa se propõe a repassar recursos de forma desburocratizada para os municípios investirem em políticas públicas em áreas como educação, saúde, segurança, juventude e políticas de gênero.

A promessa é que o FEM Social seja implantado gradualmente ao longo dos próximos quatro anos. Em cada uma das duas edições do FEM atual, que permite e realização de obras de infraestrutura, foram liberados R$ 228 milhões pelo Estado. No FEM Social, os prefeitos também teriam que apresentar ao governo projetos de o que fazer com o dinheiro.

“Não vamos querer um serviço público diferenciado entre o do Estado e o que o município vai oferecer. Estaremos juntos, integrados; para que haja uma cadeia de desenvolvimento. Você ajudando os municípios na saúde, por exemplo, estará ajudando o Estado. A rede de alta e média complexidade, que é do Estado, estará mais controlada se a ação preventiva funcionar melhor”, justificou o candidato.

“Não adianta ter uma educação de nível médio e fundamental de qualidade se o município não tem creche, não tem uma pré-escola adequada”, afirmou. “Tudo isso é para estruturar, é para que a educação de Pernambuco seja integrada. Na saúde também. As ações preventivas são de responsabilidade dos municípios, então eles precisam de recursos para alcançar melhoras na área”, disse.

Tags: Armando Monteiro, Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, psb, PTB,
adversários

Armando Monteiro diz que cenário pode mudar até eleição

Publicado em 27/08/2014 às 8:20 por em Eleições, Notícias
Foto: Léo Caldas/PTB

Mesmo após a pesquisa Ibope divulgada nessa terça-feira (26) desmontar o cenário confortável que o senador Armando Monteiro Neto (PTB) vinha tendo na disputa no Estado, o discurso do petebista ainda é de confiança. Durante a inauguração do comitê de um aliado, no Recife, Armando afirmou que o cenário de intenção de voto de Paulo Câmara (PSB) pode mudar até a eleição, a medida que passar a comoção causada pela morte do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos.

“Tenho a impressão de que logo, logo vamos poder demonstrar que esse processo vai decantar e aí, sim, teremos números que representem melhor o verdadeiro quadro da disputa política em Pernambuco”, disse. “Essa pesquisa está refletindo um estado de comoção que foi amplificado extraordinariamente por uma intensa cobertura da mídia”, declarou.

LEIA TAMBÉM:
>> Ibope: Armando cai de 43% para 38% e Paulo Câmara sobe de 11% para 29%
>> PTB aponta tese da comoção para crescimento de Paulo Câmara na pesquisa Ibope
>> As pessoas querem saber quem é o candidato de Eduardo, diz Câmara sobre Ibope

A atribuição do resultado à comoção já havia sido feita por meio de nota do PTB. Mesmo assim, o senador também disse que existem muitas razões para acreditar num resultado favorável.

Pelo sim, pelo não, os deputados federais Paulo Rubem (PDT) e João Paulo (PT), que ocupam a vaga de vice e de candidato ao Senado na chapa petebista, aproveitaram o ato para pedir engajamento da militância.

“Temos o desafio de hoje até o dia 5 de outubro de intensificar a nossa luta para consolidar a nossa vitória”, disse Paulo Rubem. “A nossa maior resposta é a militância ir às ruas para ganhar votos do Sertão ao Litoral”, endossou João Paulo.

Tags: Armando Monteiro, Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, pesquisa, psb, PTB,
pesquisa

As pessoas querem saber quem é o candidato de Eduardo, diz Câmara sobre Ibope

Publicado em 27/08/2014 às 8:02 por em Eleições, Notícias
Foto: Wagner Ramos/PSB

Foto: Wagner Ramos/PSB

Amparado na pesquisa do Ibope, o candidato do PSB ao Governo do Estado, Paulo Câmara, voltou a afirmar na noite dessa terça-feira (26) que a receptividade à sua candidatura está crescendo porque os eleitores querem conhecer quem é o candidato do ex-governador Eduardo Campos, falecido no último dia 13.

LEIA TAMBÉM:
>> Ibope: Armando cai de 43% para 38% e Paulo Câmara sobe de 11% para 29%
>> PTB aponta tese da comoção para crescimento de Paulo Câmara na pesquisa Ibope

“A campanha está na rua e a receptividade cresceu muito. As pessoas estão querendo saber quem é Paulo Câmara, que é o candidato de Eduardo. Vamos continuar fazendo a nossa campanha, nos apresentando, falando das nossas propostas. Tudo isso é um trabalho que está dentro do nosso planejamento, que vamos intensificar nós próximos 40 dias”, afirmou, avaliando o levantamento.

O Ibope mostrou um crescimento nas intenções de voto de Câmara de 11% para 29%. Já o principal adversário, o senador Armando Monteiro Neto (PTB), caiu de 43% para 38%. A pesquisa ouviu 1.512 pessoas entre os dias 23 e 25.

Tags: Eduardo Campos, Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, pesquisa, psb,
eleições 2014

Levantamento do PSB mostra Marina vencendo Dilma em Pernambuco

Publicado em 26/08/2014 às 14:34 por em Notícias
Foto: Agência Brasil

Levantamento do PSB mostra vitória tranquila de Marina sobre Dilma em Pernambuco. Foto: Agência Brasil

Por Paulo Veras, repórter do Blog

O PSB de Pernambuco está comemorando o resultado de uma pesquisa para consumo interno que mostra a ex-senadora Marina Silva (PSB/Rede) com uma votação muito superior a obtida pela presidente Dilma Rousseff (PT) no Estado. Os números também mostram um crescimento significativo do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB), que já superaria o senador Armando Monteiro Neto (PTB) em quase todas as regiões.

Segundo contou ao Blog de Jamildo uma fonte do PSB, Marina apresentou um desempenho excelente; superior inclusive ao que tinha o ex-governador Eduardo Campos (PSB), falecido no último dia 13. A ex-senadora conseguiu manter a votação do pernambucano e ainda ampliar consideravelmente.

LEIA TAMBÉM:
>> PT foca em críticas contra Marina para defender legado de Dilma
>> No Recife, Humberto Costa chama Marina Silva de autoritária

Os números não podem ser divulgados porque a pesquisa não é registrada junto à Justiça Eleitoral. Os dados também mostram o senador mineiro Aécio Neves (PSDB) com uma votação muito pequena no Estado.

Nessa segunda-feira (25), durante a inauguração do comitê de Dilma no Recife, os petistas dispararam contra Marina para defender o legado da presidente. Frente aos números, as declarações são vistas como uma reação ao crescimento da ex-senadora.

“Sendo o ex-governador Eduardo Campos, um pernambucano, nós teríamos a votação dividida, porém, nós vamos é com uma mulher que nunca colocou em Pernambuco nem uma pá de tijolo, nem uma pá de cimento. Ela nada fez por Pernambuco e pelo Brasil apesar de ter sido ministra de Lula durante quase oito anos”, disse o senador Humberto Costa (PT), que coordena a campanha de Dilma em Pernambuco.

Dias antes, Humberto já havia subido o tom contra a ex-senadora. “Os nossos adversários vêm agora com essa conversa mole de que Marina é o nome para mudar, é o nome para transformar. Eu conheço. Ali representa o autoritarismo. Ali representa uma visão atrasada. Ali representa uma visão que não quer progresso, nem desenvolvimento”, atacou.

Foto: Rodrigo Lobo/PSB

Foto: Rodrigo Lobo/PSB

GOVERNADOR – Os números internos também mostram um cenário animador para Paulo Câmara, que teria conseguido ultrapassar Armando Monteiro em quase todas as regiões do Estado.

Segundo o levantamento, o local onde há mais resistência é no Agreste. Mesmo lá, Câmara e Armando já apareceriam empatados.

O desempenho não é exatamente uma surpresa para o PSB, mas chegou antes do previsto. A cúpula da campanha esperava que o ex-secretário apresentasse essa vantagem mais próximo do primeiro turno; entre os dias 15 e 20 de setembro.

A avaliação interna é que a tragédia que vitimou Eduardo Campos no dia 13 de mês antecipou a associação entre Paulo e o ex-governador, além de ter criado um sentimento de comoção que pode se converter em votos.

O PSB tem feito levantamentos diários para medir o cenário eleitoral. Os números aumentam a expectativa sobre a pesquisa do Ibope a ser divulgada nesta terça (26) e sobre o levantamento do Instituto Maurício de Nassau, que o Jornal do Commercio lança no domingo (31).

Tags: Armando Monteiro, Dilma, Dilma Rousseff, Eleições, Eleições 2014, Marina, marina silva, Paulo Câmara, psb, PT, PTB, Rede,
confiante

A 40 dias da eleição, Paulo Câmara diz que “acabou a brincadeira”

Publicado em 26/08/2014 às 7:38 por em Eleições, Notícias
Foto: Aluísio Moreira/PSB

Foto: Aluísio Moreira/PSB

Adotando um tom cada vez mais confiante a 40 dias do primeiro turno das eleições estaduais, o ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) afirmou na noite dessa segunda-feira (25), em ato no Alto José do Pinho, Zona Norte do Recife, que a virada em relação ao senador Armando Monteiro Neto (PTB), na disputa pelo Governo do Estado, começou e que acabou a brincadeira para a Frente Popular.

“Nossos adversários estão ficando nervosos. Eles sabem que a virada começou, que acabou a brincadeira”, afirmou. Câmara defendeu que o seu crescimento junto à população é evidente.

“Temos visto, nos eventos que temos participado, que cada vez mais o reconhecimento da nossa candidatura e do nosso nome tem crescido, assim como a convicção da nossa vitória. As pessoas tem mostrado que o que o povo quer é avançar no trabalho iniciado pelo ex-governador Eduardo Campos”, disse, associando a figura do ex-governador, que faleceu no último dia 13.

Como tem sido feito na periferia da capital, o ato também foi reforçado pelo prefeito Geraldo Julio (PSB), que deu o tom até do discurso do candidato ao Senado, o ex-ministro da Integração Fernando Bezerra Coelho (PSB).

“Quero renovar diante de vocês o meu compromisso com o Recife. A partir de 2015, vamos continuar e ampliar as parcerias com Geraldo, para que nossa capital tenha cada vez mais desenvolvimento e qualidade de vida”, disse FBC.

Tags: Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, psb,
ligação com Arraes

Portuários aderem a Paulo Câmara

Publicado em 25/08/2014 às 13:39 por em Eleições, Notícias
Foto: Beto Figueroa/PSB

Foto: Beto Figueroa/PSB

A Intersindical Portuária, entidade que representa os sindicatos dos trabalhadores dos portos de Suape e do Recife, aderiu à campanha do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) ao Governo do Estado na manhã desta segunda-feira (25). Historicamente, a categoria tem ligação com os ex-governadores Miguel Arraes e Eduardo Campos; este último falecido no dia 13 e fiador da campanha de Câmara.

A aproximação histórica com a família Arraes contribuiu para que o grupo fechasse questão com o candidato. “Estamos com eles há muito tempo. Arraes e Eduardo se importavam verdadeiramente com os trabalhadores. Temos a certeza de que Paulo fará o mesmo”, disse Josias Santiago, presidente do Sindicato dos Estivadores.

Antes da adesão a Intersindical Portuária foi procurada pelo senador Armando Monteiro Neto (PTB); sem sucesso. “Sabemos que o outro lado está comprometido apenas com o patronato. Essa é a história deles. Atuaram assim no Congresso Nacional”, criticou o presidente do Sindicato dos Arrumadores, Cláudio Roberto Ferreira.

Tags: Eleições, Eleições 2014, Paulo Câmara, Porto de Suape, Porto do Recife, psb,
guia eleitoral

No Rádio, Paulo Câmara apresenta Eduardo e Marina. Armando, só Lula

Publicado em 25/08/2014 às 7:54 por em Eleições, Notícias
Fotos: JC Imagem. Montagem: Bruno de Carvalho

Fotos: JC Imagem. Montagem: Bruno de Carvalho

Além de continuar apresentando o apoio do ex-governador Eduardo Campos, falecido no último dia 13, o ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB) levou a ex-senadora Marina Silva, que assumiu a campanha presidencial do PSB, ao guia eleitoral do rádio, na manhã desta segunda-feira (25). Já o senador Armando Monteiro Neto (PTB) apresentou uma gravação do ex-presidente Lula (PT).

No áudio, Lula cobra a fatura pelos avanços ocorridos no Estado. “Temos que olhar o que aconteceu em Pernambuco nos últimos 12 anos”, afirma o petista, em referência ao período que compreende os três mandatos nacionais do PT e não os dois do PSB no Estado.

De quebra, Lula ainda disse que, no Senado, Armando ajudou a realizar os avanços. O ex-presidente também disse que o petebista é a pessoa “preparada e talhada” para comandar Pernambuco. A presidente Dilma Rousseff (PT) não marcou presença no guia.

Já Paulo Câmara abriu o guia exibindo o discurso de Eduardo no dia do anúncio da candidatura socialista; que também tem sido mostrado na TV. “Eduardo depositou toda a confiança e todo o seu legado nas mãos de Paulo”, afirma o narrador.

Em sua fala, Câmara cita as ações do Governo do Estado no plural: “conseguimos construir um novo Pernambuco”. Em certo momento, dois matutos, Tito e Tião, conversam que o Estado não pode andar para trás.

SENADO – No guia dos candidatos a senador, o ex-ministro da Integração Fernando Bezerra Coelho (PSB) usou trecho do discurso da ex-primeira-dama Renata Campos, viúva de Eduardo.

Já o deputado federal João Paulo (PT) também apresentou um depoimento de Lula, lembrando o trabalho desenvolvido por ele à frente da Prefeitura do Recife.

Tags: Armando Monteiro, Eduardo Campos, Eleições 2014, Guia Eleitoral, Lula, marina silva, Paulo Câmara,