publicidade
12/01/18
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil
Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

PF deflagra segunda fase da Operação Cardiopatas

12 / jan
Publicado por Douglas Fernandes em Notícias às 11:31

Estadão Conteúdo – A Polícia Federal deflagrou a segunda etapa da Operação Cardiopatas nesta sexta-feira (12). A investigação mira um esquema especializado em fraudes previdenciárias. Em nota, a PF informou que médicos e servidores do INSS estão envolvidos.

A Cardiopatas cumpre dois mandados de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão no município de Campos dos Goytacazes, no interior do Rio.

Segundo a Federal, a operação é coordenada pela Delegacia da PF em Campos. Os investigados responderão pelos crimes de pertencimento à organização criminosa, estelionato previdenciário e corrupção ativa.

LEIA TAMBÉM

» PF deflagra Ostrich contra fraudes de R$ 14 mi na Previdência
» Operação da PF no Cabo de Santo Agostinho mira ‘insistência’ em fraudes com benefícios previdenciários
» Fraudes em aposentadorias rurais são alvo da PF em Pernambuco

A primeira fase da Cardiopatas foi deflagrada pela PF em 8 de dezembro do ano passado. Na ocasião, a Federal cumpriu 12 mandados de prisão preventiva, três de prisão temporária, 15 de busca e apreensão e 20 de condução coercitiva em Campos dos Goytacazes, São João da Barra, Italva e Casimiro de Abreu.

A ação mirou suspeitas de corrupção de servidores do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). Entre os investigados estavam técnicos do seguro social, médicos peritos, médicos particulares, agenciadores de benefícios e de pessoas.

No curso da investigação foram identificadas fraudes em 34 benefícios por incapacidade, entre auxílios-doença e aposentadoria por invalidez, gerando um prejuízo superior a R$ 4 milhões à Previdência Social.



PUBLICIDADE
FECHAR