publicidade
10/11/17
Foto: Luiz Pessoa/JC Imagem
Foto: Luiz Pessoa/JC Imagem

Cena de operação impacta valorização de Pernambuco, diz ministro

10 / nov
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 12:49

De oposição ao governador Paulo Câmara (PSB), o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), avaliou nesta sexta-feira (10), que a Operação Torrentes “é uma imagem que mexe muito na alma do pernambucano”. “Aquela cena impacta a valorização com que Pernambuco se impõe na vida pública”, afirmou o tucano. Com mandado de busca e apreensão para a Casa Militar, a Polícia Federal esteve no Palácio do Campo das Princesas na manhã dessa quinta-feira (9).

Além disso, prendeu quatro oficiais da Polícia Militar na investigação de supostas fraudes em contratos de operações de assistência a vítimas das enchentes na Mata Sul do Estado em 2010.

LEIA TAMBÉM
» PF mira Casa Militar em operação contra suposta fraude em contratos após enchentes de 2010
» Em dia de operação da PF em Pernambuco, sessão da Alepe dura 11 minutos
» Secretário-executivo e coordenador da Casa Militar são presos em operação da PF
» Quebra de registros telefônicos ligou coronel preso pela PF ao PSB

“Espero que o estado possa fazer os esclarecimentos e que as instituições funcionem. Independente de políticas locais, ninguém pode comemorar isso”, afirmou Bruno Araújo.

Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem

O ministro criticou a nota divulgada pelo governo após a deflagração da operação, em que afirma que a ação foi “desproporcional” e faz parte de “processo de espetacularização negativa das atividades de controle da atuação pública”. “Ninguém pode dizer que aquilo foi uma ordem de um governador adversário”, afirmou Araújo. “É desconhecer a separação dos poderes.”



PUBLICIDADE
FECHAR