publicidade
13/09/17
Foto: Orlando Brito
Foto: Orlando Brito

Antônio Campos pede ao TRE que PSB e Paulo Câmara não usem a imagem de Miguel Arraes

13 / set
Publicado por jamildo em Notícias às 10:31

Sem alarde, no final de agosto, 30/08/2017, o advogado Antônio Campos e Instituto Miguel Arraes ajuizaram uma ação ordinária de preservação de imagem e outros atributos do ex-governador Miguel Arraes contra o PSB estadual e o governador Paulo Câmara, por conta de um programa partidário do PSB, que estava sendo veiculado e atos subsequentes, como utilizações erm redes sociais.

Na ação, o advogado Antônio Campos usou como precedente o Mandado de Segurança de Renata Campos e filhos, na eleição de Paulo Câmara, em 2014, por uso por parte da oposição, em especial o candidato adversário Armando Monteiro Neto.

O processo foi originalmente distribuído para o desembargador eleitoral Vladimir Carvalho. Ele remeteu os autos para o corregedor eleitoral Henrique Coelho para decisão quanto ao pedido liminar. Por conta da movimentação, não houve análise ainda.

No referiro programa partidário, o IMA e Antônio Campos tinham notificado o PSB sobre a ‘indevida utilização da imagem’.

Nesta quarta-feira, o advogado e irmão de Eduardo Campos anexou aos autos informações que dão conta do apoio oficial do PSB a Lupércio em Olinda e entrevistas do presidente do PSB estadual Sileno Guedes, referentes a família Coelho.

“O objetivo é demonstrar como o PSB trata os que não rezam na cartilha deles. Deparando-se com tais questionamentos e ponderando-se os interesses em conflito, reputa-se sensato a proteção da imagem do ex-governador Miguel Arraes na propaganda citada e a sua memória”, dizem os autores em um trecho da petição.



PUBLICIDADE
FECHAR