publicidade
05/09/17
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

FBC troca PSB por PMDB e pode conseguir comando do partido em Pernambuco

05 / set
Publicado por Amanda Miranda em Notícias às 16:50

Com informações de Romoaldo de Souza, da Rádio Jornal em Brasília

Após semanas de articulação, o senador Fernando Bezerra Coelho decidiu nesta terça-feira (5) trocar o PSB pelo PMDB, em mudança que será oficializada com a filiação dele ao partido nesta quarta-feira (6), às 11h. A migração, definida em reunião com o presidente nacional da sigla, pode implicar na retirada de Raul Henry do comando local do PMDB para que FBC assuma a posição que tradicionalmente era do grupo do deputado federal Jarbas Vasconcelos.

O ministro Fernando Filho (Minas e Energia) vai esperar a janela partidária para se filiar. Se trocar em março do ano que vem, não perde o mandato de deputado federal. O pai não perde a vaga no Senado por ser um mandato majoritário.

FBC entregou a desfiliação ao presidente do PSB, Carlos Siqueira, em reunião mais cedo. Ele era líder da bancada de cinco senadores do partido. Diplomaticamente, agradeceu aos socialistas no comunicado “pelo apoio recebido em mais de 12 anos de convivência” e disse que o período foi importante para a sua trajetória política e pessoal. “Nesta hora, deixo consignado que o afeto permanece assim como o compromisso de luta incansavelmente pelo desenvolvimento do estado de Pernambuco e do Brasil”, diz ainda o texto.

LEIA TAMBÉM
» Jarbas vai esperar Raul Henry para conversar com FBC
» Em Caruaru, FBC lança nova frente das oposições contra PSB e PT
» Tony Gel diz que não quer saber de FBC candidato a governador e apoiará Paulo Câmara
» ‘Postura de FBC reforça debilidade de governo e impulsiona oposição’, diz Álvaro Porto

Jarbas teria uma reunião com FBC nesta terça-feira, mas adiou o encontro alegando estar com sinusite e vai aguardar a chegada de Raul Henry da China para isso.

Como parte da negociação, alguns filiados do PMDB de Pernambuco pediram dissolução do diretório estadual. Os nomes desses políticos não foram divulgados. A executiva nacional deve decidir sobre o assunto na próxima reunião, que ainda não tem data.

O grupo de Jarbas e Raul Henry podem aceitar a troca no comando ou entrar na Justiça Eleitoral contra a intervenção nacional, podendo barrá-la. As últimas declarações do deputado elogiando FBC, porém, geraram comentários nos bastidores de que ele não reagiria contra a troca.

A articulação de Jucá pode ter outra implicação: fazer os peemedebistas se descolarem de Paulo Câmara nas eleições de 2018. Hoje, o PMDB tem a vice-governadoria com Raul Henry, que é também secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, além de outras pastas, como a Habitação, entregue a Kaio Maniçoba. O espaço dado aos peemedebistas pelo governador chegou a causar ciúmes em socialistas.

Fernando Bezerra Coelho e o filho estavam insatisfeitos com o PSB desde que o partido passou a se posicionar contra as reformas do governo Michel Temer (PMDB). Fazendo parte de um grupo de cerca de dez divergentes, haviam sido procurados por Rodrigo Maia, para irem para o Democratas, e pelo PMDB, que ganhou os dois. O senador foi filiado ao partido nas décadas de 1980 e 1990.



PUBLICIDADE
FECHAR