15/dez
Foto: Marcelo Carmargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Carmargo/Agência Brasil

Nordeste pode ser protagonista no aumento de 100% da produção de etanol até 2030

15 / dez
Publicado por jamildo em Notícias às 18:05

O novo programa do governo, o RenovaBio, lançado na terça-feira, 13/12, em Brasília, foi elaborado em parceria entre a iniciativa privada e o Ministério de Minas e Energia;

O RenovaBio tem quatro eixos estratégicos: discussão do papel dos biocombustíveis na matriz energética; desenvolvimento baseado nas sustentabilidades ambiental, econômica e financeira; regras de comercialização; novos biocombustíveis;

Após o início das discussões entre o governo e o setor, nos próximos 60 dias será elaborada uma proposta para consultas públicas a partir do mês de março. Ainda em 2017, uma legislação sobre o tema deve ser apresentada para que possa começar a ser executada a partir de 2018;

A expectativa é de que o programa receba US$ 40 bilhões de investimentos no Brasil pela iniciativa privada até 2030, esteja presente em 1,6 mil municípios e gere cerca de 750 mil empregos.

Segundo o governo Federal, o programa vai dar especial atenção ao Nordeste;

A informação foi dada pelo ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, no Workshop Etanol, promovido pelo ministério com representantes do setor;

O ministro destacou a importância econômica e social que a cultura da cana tem para a região Nordeste, em especial para Pernambuco, e como ela tem ficado à deriva nos últimos anos, devido à falta de uma política nacional melhor formulada para o setor;

Região NE tem capacidade instalada de produção de etanol, e também de açúcar, que está com grande ociosidade nos últimos anos;

Grande parte das empresas regionais do setor atravessa dificuldades financeiras;

A produção regional cresceu somente 2% nos últimos 50 anos, devido principalmente à falta de políticas públicas que mantenham regras claras para o setor, que viveu um vai-e-vem nesse período;

Atualmente, o NE é responsável por 10% da produção nacional de etanol;

De acordo com o governo Federa, estima-se que possa chegar a cerca de 20%, caso as atuais unidades produtoras funcionem a todo vapor. Para tanto, três fatores precisam acontecer: fim da seca, projetos de irrigação e renovação dos canaviais;

Atualmente o país produz cerca de 25 bilhões de litros de etanol por ano. Cerca de 2,5 bilhões na região Nordeste. A meta do RenovaBio é de dobrar a produção até 2030. O Nordeste poderia passar a até 20% do total, para 10 bilhões de litros. Para tanto, precisa quadruplicar sua produção no mesmo período;

O ministro destacou que se as regras para o setor forem claras, a retomada do investimento vai acontecer. Não resta dúvida.


PUBLICIDADE
FECHAR