09/dez
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Temer anuncia investimento de R$ 53 milhões em obras hídricas em Pernambuco

09 / dez
Publicado por Cássio Oliveira em Notícias às 12:48

Estadão Conteúdo – Em sua primeira visita a Pernambuco desde que assumiu o comando do País, o presidente Michel Temer (PMDB) anunciou, no final da manhã desta sexta-feira, 9, a liberação de R$ 53 milhões destinados a realização de obras hídricas no Agreste do Estado.

Deste total, R$ 12 milhões serão destinados à recuperação e modernização da Barragem Jucazinho, que apresenta problemas estruturais, que podem comprometer a segurança de sua operação. Outros R$ 33 milhões serão destinados para a construção de uma adutora emergencial que interligará o Sistema Siriji aos sistemas integrados Palmeirinha e Jucazinho. Os R$ 8 milhões restantes serão destinados a outras obras na região.

LEIA MAIS:

>> “O Nordeste é prioridade para nosso governo”, diz Temer em Pernambuco

>> “Não posso desagradar uma ponta da base”, diz Temer sobre recuo na nomeação de Imbassahy

A solenidade durou menos de meia hora. Só convidados tiveram acesso ao local. Entre os presentes estavam os ministros da Educação, Mendonça Filho (DEM); Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho (PSB); e das Cidades, Bruno Araújo (PSDB) – todos pernambucanos. Também estavam deputados federais, alguns senadores e integrantes do primeiro e segundo escalão do governo do Estado de Pernambuco, incluindo o governador Paulo Câmara (PSB).

‘Prioridade’

Foto: Presidência da República
Foto: Presidência da República

Só Temer e Câmara discursaram. Em sua fala, de pouco mais de 10 minutos, o presidente enfatizou que o Nordeste tem sido “prioridade” em sua gestão e garantiu que “continuará sendo”.

O peemedebista destacou o esforço que vem sendo feito pelo governo federal, desde que ele assumiu, para “melhorar e ampliar” ações como o Minha Casa, Minha Vida, Bolsa Família e outros programas.

“O Nordeste tem sido prioridade, mas ainda vemos muita pobreza. E estamos buscando corrigir os rumos para levar mais oportunidade e desenvolvimento para esta região. Ouviu-se muito dizer que nós iríamos acabar com os programas sociais. Mas não há e nunca houve nada disso. Muito pelo contrário. Nós revalorizamos o Bolsa Família, com um reajuste de 12,5%. Nós também investimos pesado no Minha Casa, Minha Vida e no Fies. Até o final de dezembro, por exemplo, estaremos entregando mais de 20 mil novas moradias. Deste total, 3,8 mil aqui bem pertinho, na cidade de Caruaru”, destacou.

>> Governador de Pernambuco pede reforço do Exército em caso de greve da PM

Assim como tem feito em todos os seus pronunciamentos, Temer defendeu o pacote de ajuste fiscal como condição essencial para a continuidade dos investimentos sociais. “Muita gente me diz, gaste. Mas eu não posso pensar assim. Gostaria sim de poder gastar à vontade com o País. Mas precisamos dos ajustes exatamente para garantir o futuro do Brasil. Caso contrário, o País quebra. Meu governo é a favor do Brasil. Assim como é a favor do País o Congresso Nacional que vem atuando na aprovação destas medidas de ajuste, que são absolutamente necessárias”, assegurou.

A proposta do Executivo para a reforma da Previdência também foi destacada por Temer. “Há muitas inverdades circulando sobre este tema. Mas o que podemos garantir é que não haverá alteração em direitos adquiridos e que teremos regras de transição claras e objetivas. É reformar para crescer porque temos responsabilidade fiscal e responsabilidade social”, sentenciou.


PUBLICIDADE
FECHAR