Centro Dom Helder Câmara se posiciona a favor do Cisam no caso do aborto

Publicado em 12/03/2009 às 15:14 por em Notícias

Nota Pública

O CENDHEC – Centro Dom Helder Câmara de Estudos e Ação Social, organização da sociedade civil sem fins lucrativos, constituída como centro de defesa dos direitos humanos da criança e do adolescente e direito à moradia, vem a público manifestar sua posição frente ao caso envolvendo a interrupção da gestação, decorrente de estupro, da qual foi vítima uma criança de 9 anos de idade, natural da cidade de Alagoinha.

Reconhecemos que no caso em tela a interrupção da gravidez configurou-se numa questão de direitos humanos e cidadania, uma vez que a vida de uma criança estava ameaçada, além da menina já ter tido sua integridade física e psicológica brutalmente vilipendiada por quem, em tese, deveria estar cumprindo o papel de protegê-la e assegurar o seu pleno desenvolvimento.

O CENDHEC expressa seu apoio e solidariedade a criança, a sua família, à direção do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (CISAM) e à equipe de atenção à saúde, em especial aos médicos Prof. Olimpio Moraes e Dr. Sérgio Cabral, que tão somente cumpriram com o seu dever legal e ético de zelar pela vida de sua paciente, amparados pela legislação em vigor.

Coordenação do Cendhec
Recife, 11 de março de 2009

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>