publicidade
12/02/18
A água de coco hidrata e ajuda a repor os sais minerais de que o organismo precisa (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem)
A água de coco hidrata e ajuda a repor os sais minerais de que o organismo precisa (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem)

Ressaca: nutricionista dá dicas para quem deseja se recuperar dos excessos do Carnaval

12 / fev
Publicado por Cinthya Leite em Alimentação - 12/02/2018 às 20:27

Hidratar o organismo é fundamental para ajudar a recuperar o corpo dos exageros da maratona carnavalesca. Entre as dicas para aliviar a ressaca, está a desintoxicação do organismo de forma saudável. Para amenizar os sintomas como acidez do estômago, gases e enjoos, provocados pelo excesso de álcool e/ou também pela ingestão de comidas pesadas, é importante ficar atento ao consumo de alimentos que podem trazer benefícios à saúde.

Leia também:

Quer fazer a folia render? Entenda por que investir no energético não é uma boa ideia

Spray de espuma pode causar lesões; confira orientações para um Carnaval sem alergias

A bebida alcoólica faz com que o corpo elimine líquidos. Então, repor os nutrientes é importante para o processo de recuperação, pois muitos dos sintomas que vêm com o mal-estar da folia, como a dor de cabeça, são provenientes da desidratação. A nutricionista Mayara Guimarães, professora da Faculdade Uninabuco Olinda, explica como driblar os efeitos do excesso de álcool e de alimentos condimentados. “A ingestão de bebidas isotônicas e/ou eletrólitos naturais, como a água de coco, é recomendada para recuperar o estado de hidratação do organismo.” E mais: com o suor que bate durante a folia, perdem-se água, minerais e vitaminas. Nesse sentido, a água de coco também é ideal para fazer a reposição.

“As frutas e legumes vermelhos ou roxos, a exemplo dos morangos, uvas, framboesa, mirtilos e beterraba, são riquíssimos em antioxidantes denominados de antocianinas, que ajudam a diminuir a intoxicação por radicais livres presentes no corpo pelo consumo exagerado de álcool”, diz Mayara.

Ainda segundo a professora, outra proposta seria a utilização de chás digestivos e anti-inflamatórios, como de boldo, camomila, chá verde, hortelã e canela. Eles ajudam na defesa da microbiota intestinal e melhoram a digestão. Também é importante evitar ingerir alimentos gordurosos, carne vermelha em excesso, fritos, gratinados, café, pimenta, curry, cominho, chocolate e refrigerantes.


FECHAR