publicidade
14/01/17
Com o suor, perdem-se água, minerais e vitaminas. Nesse sentido, a água de coco é ideal para fazer a reposição (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem)
Com o suor, perdem-se água, minerais e vitaminas. Nesse sentido, a água de coco é ideal para fazer a reposição (Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem)

Confira dicas de alimentação saudável e leve para aproveitar o verão

14 / jan
Publicado por Cinthya Leite em Alimentação - 14/01/2017 às 10:36

Nesta estação, em que a terra fica mais próxima do sol no hemisfério sul, os cuidados com o cardápio devem ser redobrados para evitar que as altas temperaturas, quase sempre acima dos 30 graus, enfraqueçam a nossa disposição para aproveitar a praia e as atividades ao ar livre. “O metabolismo fica mais acentuado no verão. As pessoas passam a transpirar mais e não percebem. Há uma perda maior de eletrólitos, como sódio, potássio e magnésio. Por isso, recomendamos, nesse período, aumentar em 50% a ingestão de líquidos, como água e suco natural. Ou seja, em vez de dois litros diariamente, sugerimos três”, orienta o médico nutrólogo e pediatra Homero Rabelo.

É uma precaução que não deve ser menosprezada porque a desidratação abre portas para incômodos (sede, lábios e língua secos) e complicações. “Náusea, vômito, dor de cabeça, desorientação e até síncope (perda súbita e breve da consciência) podem aparecer. Nessas situações, é importante repor líquido por via oral, levar a pessoa para um local ventilado e com sombra. Crianças e idosos são mais vulneráveis a esses problemas”, explica o clínico geral e gastroenterologista Severino Santos, professor da Universidade de Pernambuco (UPE).

Durante os passeios nos dias maios ensolarados, as crianças suam bastante – e algumas delas ainda não sabem pedir água ou não estão habituadas a tomar nos momentos de diversão. A dica básica é levar uma garrafa com água na bolsa dos pequenos e sempre oferecer líquidos, mesmo que eles não peçam. A mesma orientação vale para os idosos, já que ocorre redução da sensação de sede e de calor no envelhecimento, segundo Severino Santos. “Com o suor, perdem-se água, minerais e vitaminas. Nesse sentido, a água de coco é ideal para fazer a reposição”, diz o médico.

Ainda sobre os líquidos, deve-se evitar o consumo de café e bebidas alcoólicas, que contribuem para a desidratação, especialmente quando os termômetros estão em alta. Outra dica é passar longe das refeições gordurosas. “Frutas e sucos naturais, verduras e legumes não devem ser esquecidos. É importante esterilizar bem os alimentos e lavar sempre as mãos, o que ajuda a evitar infecções por enterovírus, que circulam muito no verão e causam as diarreias”, alerta Homero Rabelo. Ele também chama a atenção para os excessos no cardápio. “Quando se come algo muito pesado, como cozido e feijoada, a digestão fica mais lenta.” Ou seja, quem exagerar nas refeições deve descansar por alguns minutos para evitar a sensação de estômago pesado e, dessa maneira, aproveitar o melhor da estação que mais conquista os brasileiros.


FECHAR