publicidade
28/nov
Doação de kits de estimulação para crianças com microcefalia é resultado do projeto Redes de Inclusão, iniciativa-piloto desenvolvida da Unicef (Foto ilustrativa: Diego Nigro / JC Imagem)
Doação de kits de estimulação para crianças com microcefalia é resultado do projeto Redes de Inclusão, iniciativa-piloto desenvolvida da Unicef (Foto ilustrativa: Diego Nigro / JC Imagem)

Projeto da Unicef entrega kits de estimulação para famílias de crianças com microcefalia

28 / nov
Publicado por Malu Silveira em Aedes aegypti - 28/11/2016 às 16:50

Famílias de crianças com microcefalia que moram no Recife receberão nesta terça-feira (29) kits multissensoriais para a estimulação dos bebês no ambiente domiciliar. A doação é resultado do projeto Redes de Inclusão, iniciativa-piloto desenvolvida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) na capital pernambucana e em Campina Grande (PB) para a atenção integral, integrada e humanizada a mulheres gestantes, às famílias e cuidadores de crianças com a máformação congênita e outras deficiências.

Leia também:
» Zika: Dúvidas continuam um ano após divulgação dos primeiros casos de microcefalia
» Microcefalia: Famílias enfrentam desafios na busca por tratamento
» Botox passa a ser incluído no tratamento dos bebês com microcefalia em Pernambuco
» Primeiros bebês com microcefalia da era zika fazem 1 ano

Desde o início de 2016, crianças e famílias já contam com atendimentos semanais no serviço público de saúde das duas cidades. Lá, recebem o cuidado de profissionais de serviços especializados da Atenção Básica, Unidade Básica de Saúde (UBS), Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) e Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Um dos pontos principais do projeto é a estimulação do desenvolvimento das crianças, desde os primeiros dias de vida. A proposta dos kits é ampliar o cuidado em casa, complementando o atendimento hospitalar.

Cada kit é composto por 10 itens, desenvolvidos para contribuir para a estimulação dos bebês em vários aspectos, acompanhados de um folder com instruções para sua utilização. Os itens são os seguintes: tapete (estimulação do desenvolvimento motor, visual e tátil); rolo (auxílio para a posição de sentar e fortalecimento da musculatura das pernas, tronco e braços); placas com listras e “mamãe sacode” (estimulação do desenvolvimento motor e da visão); lanternas, bolas e copos coloridos (estimulação do desenvolvimento da visão); esponja/escova (estimulação do desenvolvimento da percepção de texturas diferentes no rosto); chocalho (estimulação do desenvolvimento motor, da audição e da visão); colher (estimulação do desenvolvimento adequado da língua da criança); Móbile (estimulação do desenvolvimento motor, auditivo e visual) e sacola para transportar o material.

A entrega acontece durante um evento que reúne representantes do Ministério da Saúde (ms), da Secretaria de Saúde de Pernambuco, das Secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social de Recife, além dos parceiros do projeto. A programação acontecerá no auditório do Banco Central, no bairro de Santo Amaro, área central do Recife.


FECHAR